Avaliação: Spin Activ 2017 ficou mais econômica e melhor para dirigir

32039

Lançado em 2014, o aventureiro Chevrolet Spin Activ recebeu modificações pela primeira vez. Visual e interior são os mesmos, mas há novidades no conjunto mecânico – que se estendem também às versões LT, LTZ e Advantage do monovolume. O motor 1.8 foi atualizado, com novos componentes móveis e um gerenciamento eletrônico melhorado. Com isso, a potência com etanol passou de 108 cv para 111 cv (com gasolina, manteve-se em 106 cv) e o torque foi de 16,4/17,1 kgfm para 16,8/17,7 kgfm (gasolina/etanol). Além do motor, o Spin Activ ganhou o câmbio automático GF6 de seis marchas de terceira geração, o mesmo usado no novo Cruze.

Apesar das mudanças, o Spin ainda está longe de estabelecer um padrão em desempenho, com rendimento melhor no uso urbano do que na estrada. Mas ficou mais econômico. No antigo 1.8 Econoflex, a média com gasolina era de 9,0 km/l na cidade e 10,9 na estrada. Já no novo 1.8 SPE4/Eco, o rendimento subiu para 10,1 km/l na cidade e 12,0 na estrada. Também contribuíram para o resultado outras mudanças que a marca aplicou ao monovolume. Uma deles é o sistema que controla automaticamente a abertura e fechamento das aletas da grade dianteira, melhorando a aerodinâmica.

Além disso, a Chevrolet submeteu o Spin a uma dieta para reduzir o peso do carro em até 33 kg. A suspensão ficou mais firme e foi rebaixada em 10 mm – uma medida estranha, pois trata-se de um aventureiro. Pelo menos a direção agora tem assistência elétrica. Ao volante, as novas molas, amortecedores e barra estabilizadora deixaram o carro mais estável. Elogios também para a direção elétrica, precisa em altas velocidades e leve em manobras.

Agora oferecido apenas com câmbio automático, por R$ 69.990, o Spin Activ passou a contar com o sistema OnStar (assistência remota ao motorista), que veio acompanhado de um navegador por GPS com indicação por setas na central multimídia MyLink (ainda de primeira geração). Já o quadro de instrumentos ganhou bússola e monitor de pressão dos pneus. É uma pena que a Chevrolet não tenha aproveitado a onda de novidades para oferecer o cinto de segurança de três pontos também na posição central do assento traseiro. Ficou de fora também o sistema isofix para prender assentos infantis.

—–

Ficha técnica:

Chevrolet Spin Activ

Preço básico: R$ 69.990
Carro avaliado: R$ 69.990
Motor: 4 cilindros em linha 1.8, 8V
Cilindrada: 1796 cm3
Combustível: flex
Potência: 106 cv a 5.200 rpm (g) e 111 cv a 5.200 rpm (e)
Torque: 16,8 kgfm a 2.800 rpm (g) e 17,7 kgfm a 2.600 rpm (e)
Câmbio: automático sequencial, seis marchas
Direção: elétrica
Suspensões: McPherson (d) e eixo de torção (t)
Freios: disco ventilado (d) e tambor (t)
Tração: dianteira
Dimensões: 4,624 m (c), 1,764 m (l), 1,953 m (a)
Entre-eixos: 2,620 m
Pneus: 185/70 R14
Porta-malas: 710 litros (1.021 c/ banco rebatido)
Tanque: 53 litros
Peso: 1.275 kg
0-100 km/h: 11s1
Velocidade máxima: não divulgada
Consumo cidade: 10,1 km/l (g) e 6,9 km/l (e)
Consumo estrada: 12,0 km/l (g) e 8,4 km/l (e)
Nota do Inmetro: C
Emissão de CO2: 126* (com etanol = 0 g/km)
Classificação na categoria: E (Médio)

*Estimado

blog comments powered by Disqus