Cinco marcas de carro que (quase) ninguém conhece

Já ouviu falar na Innoson? E na Pars? Confira essas e outras montadoras praticamente desconhecidas do mundo automotivo

15516

1Pars

Divulgação

Um estranho Renault Logan de primeira geração com visual exclusivo (o Pars Tondar 90) e alguns modelos antigos da Nissan (como a Frontier dos anos 2000) estão entre os produtos oferecidos atualmente pela Pars Khodro, do Irã, que fabrica também carros da chinesa Brilliance. Apesar do portfólio pouco empolgante, a marca do Oriente Médio tem uma história interessante: foi fundada nos anos 1950 para produzir o Jeep Willys sob licença e, nos anos 1970, era a única a fabricar carros da Cadillac fora dos Estados Unidos.

2Wuling

Divulgação

O mercado chinês é uma verdadeira confusão. Pequenos fabricantes locais convivem com grandes marcas, muitas vezes se associando a elas. E um exemplo é a Wuling Automobile, fundada em 2002 e que fabrica o carro mais vendido atualmente no mercado local: o Hongguang. Especializada em monovolumes, a montadora tem como um dos sócios a gigante americana General Motors.

3Proton

Divulgação

Primeira fábrica de automóveis da Malásia (e até hoje uma das poucas marcas independentes do sudeste asiático), a Proton foi fundada em 1983 e produzia inicialmente carros baseados nas plataformas e conjuntos mecânicos da Mitsubishi. Atualmente, a linha da marca inclui sedãs (como o Persona da foto), hatches e monovolumes próprios, que são inclusive exportados países como o Reino Unido, Austrália e Chile.

4Innoson

Divulgação

Fundada em 2013, a nigeriana Innoson tem uma linha bem diversificada de veículos. São caminhões, quatro modelos de ônibus, duas vans, uma picape e um SUV. De acordo com a empresa, 70% dos componentes utilizados na produção tem origem local, com o restante dos componentes sendo importados da China, Alemanha e Japão.

5Venirauto

Divulgação

A vizinha Venezuela também tem a sua marca nacional de automóveis. A Venirauto, uma empresa de capital local e iraniano fundada em 2006, tem em sua linha de produtos modelos bem exóticos: o compacto Turpial, nas carrocerias hatch e sedã, que é basicamente um Mazda 121 dos anos 1980 com algumas atualizações no visual, e o Centauro, uma versão local do iraniano IKCO Samand, que é um sedã médio baseado no conjunto mecânico do Peugeot 405.

blog comments powered by Disqus