Clássico dos anos 1960, Jaguar E-Type vira esportivo elétrico

Exemplar construído em 1968 foi convertido pela divisão de veículos clássicos da marca britânica. E ficou mais rápido que o carro original...

1563

A Jaguar Land Rover Classic Works, divisão que cuida da preservação de veículos clássicos das duas marcas britânicas, foi além de simplesmente restaurar um Jaguar E-Type Roadster de 1968: no lugar do bloco 4.2 de seis cilindros e 269 cv, o esportivo recebeu um motor elétrico de 300 cv.

O novo conjunto motriz foi desenvolvido para ocupar exatamente o mesmo espaço do motor e câmbio do E-Type, mas ficou 46 kg mais leve que o conjunto original. O resultado foi um ganho de desempenho. O E-Type elétrico acelera de 0-100 km/h em 5,5 segundos, quase um segundo a menos do que com o motor de combustão. A autonomia do esportivo é de 270 quilômetros.

Além do motor, o E-Type Roadster ganhou um novo painel todo digital e novos faróis, que adotaram luzes de LED para maior eficiência energética, porém mantendo o mesmo estilo das peças que equipavam originalmente o carro em 1968.

De acordo com a Jaguar, o motor e as baterias desenvolvidas para o E-Type elétrico podem ser adaptados para qualquer modelo equipado originalmente com o motor XK de seis cilindros, numa lista que inclui também carros como o XK120 e o XJ6.

blog comments powered by Disqus