Emerson Fittipaldi

“Um ex-mecânico da Benetton descreve em sua biografia como Schumacher ganhou um por um da equipe em sua primeira vitória.”

“Quando um mecânico comete um engano, esse erro vai ser mostrado ao vivo pela televisão para 100 milhões de espectadores no mundo.”

“George Harrisson, um dos beatles, foi um dos maiores superstars nos anos 1960, mas era despretensioso quando ia às corridas”

“Nunca esqueço o olhar de pura felicidade de meu amigo Pace quando subimos juntos no pódio e acenamos para o público deslumbrado por ver dois brasileiros em primeiro e segundo lugares.”

“O argentino Carlos Reutemann é o maior piloto de Fórmula 1 que nunca se tornou campeão mundial. E lamento que Wilson Fittipaldi nunca possa ter guiado um carro vencedor na F1.”

“Descrevo Jackie Stewart, um de meus maiores rivais, como amigo para a vida toda. Você podia correr roda a roda com Jackie com total certeza de que ele iria jogar limpo. ”

“Vi o mundo, mergulhei em grande variedade de culturas. Amei cada minuto e agradeço a Deus por isso todos os dias. Competi em tempos dos mais perigosos e vivi para contar a história”

“Desisti de denunciar Clay. Eu tinha ganhado mais um campeonato e mostrei meus argumentos na pista. Que mais precisava dizer? ”

“As Ferrari de Niki Lauda (número 12) e Clay Regazzoni (11) foram os adversários mais duros da McLaren no Mundial de 1974.”

“Minha primeira vitória seria em Interlagos, onde eu tinha testado o McLaren M23 algumas semanas antes e queria muito brilhar.”

“Em 1973 tive várias disputas com Peter Revson e Denny Hulme, da McLaren. Era a velocidade do M23 em curvas que impressionava.”

“Cheguei só 1 segundo atrás de Ronnie, mas Jackie Stewart foi campeão com o quarto lugar. Foi ridículo. Era hora de deixar a Lotus.”

“Meu Lotus 72 estava ótimo e minha confiança crescia. Faltando oito voltas, vi que era apenas meu quarto GP e eu liderava! ”

“Colin Chapman, fundador da Lotus, reparou na minha performance, assim como Frank Williams, da Williams. Os dois me telefonaram. ”

“Fiquei sem freios, entrei numa curva muito rápido, bati na cerca, dei uma volta no ar e caí sobre o teto. O Gordini ficou destruído.”

“Era preciso ter 17 anos para correr de carro, mas com 14 eu já podia competir de moto. Comecei na pista com uma cinquentinha.”

“Greg, que corria com o carro 99, era um novato e, mesmo rápido, não estava acostumado a correr roda a roda em altas velocidades”

“Eu adorava ultrapassar e costumava planejar meus movimentos. Quando me aproximava de um carro, ficava observando tudo”

“Juan Manuel era supersticioso. Foi dormir preocupado. Não só um gato preto atravessou sua frente, como ele o matou”

"Vencer em casa foi especial. Acredite, quando você pode dormir na sua própria cama – e não num hotel – e daí vencer o GP, isso traz um sentimento muito, muito especial”