Mercedes-Benz Classe S Conversível será importado para o Brasil

0
644

 

A Mercedes-Benz apresentou oficialmente a versão conversível do Classe S. O último modelo aberto de quatro lugares do fabricante de Stuttgart apareceu na geração W111 e W112, entre 1967 e 1971. Segundo a Mercedes-Benz, a nova variante do Classe S ostenta o título de “conversível mais confortável do mundo”. Para fazer jus a esse menção, os quatro passageiros dispõem de uma série de recursos de conforto, como de proteção contra o vento, sistema de aquecimento para a nuca, os apoios de braços e banco traseiro, entre outros. Já para abrir ou fechar a capota são necessários 20 segundos e a oepração pode ser feita em movimento com velocidade de até 60 km/h. Já o ar-condicionado foi desenvolvido exclusivamente para o carro e mantém a temperatura da cabine mesmo quando a capota está recolhida.


A segurança dos passageiros do Classe S conversível é garantida pelo detector de pedestres com frenagem automática, assistente de faixas e de frenagem (aciona os freios automaticamente até 100 km/h) e detector de pedestres.

Sob o capô, o Classe S Conversível é equipado com o motor V8 4.7 do S500 de 455 cv de potêcia e 71,4 kgfm de torque a baixíssimas 1.500 rpm. A transmissão é automática de nove marchas. Quem preferir mais desempenho, a Mercedes-AMG oferece as configurações S63, com propulsor V8 5.5 biturbo de 585 cv e 91,7 kgfm de torque. A tração pode ser traseira ou integral (4Matic). Já a S65 traz sob o capô um bloco V12 com par de turbos e intempestivos 629 cv de potência.  

De acordo com o fabricante, as primeiras unidades do Classe S conversível serão entregues na Europa a partir de março de 2016. Já para o Brasil, ele chegará a partir do primeiro semestre de 2016. 

A Mercedes-Benz também revelou outros modelos para o Brasil.O GLE virá até o final deste ano, enquanto o GLC estará em nosso mercado no primeiro trimestre do próximo ano. Já o smart ainda está sem definição.