A volta do Alpine

Nas décadas de 1960 e 1970, os carros da pequena fabricante de esportivos artesanais Alpine ganharam competições famosas como o Rali de Monte Carlo. Há poucos meses, a Renault, que sempre trabalhou junto com a marca, apresentou o conceito que dará origem ao Alpine do terceiro milênio. Então consultamos nossas fontes e chegamos às ilustrações que você confere aqui. O novo Alpine chega ao mercado em 2015 e, para que seja realmente bom nas pistas de corrida, a Renault juntou sua experiência na F-1 com a da Caterham – que também tem uma equipe na mesma categoria. Com amplo uso de fibra de carbono na carroceria, o novo Alpine será extremamente leve e ágil. O motor do conceito, um V6 de 400 cv, virá devidamente domesticado.

As chances de esse modelo chegar ao mercado brasileiro, como importado, são pequenas, mas não totalmente descartadas. Afinal, agora que a Renault resolveu trabalhar sua imagem e valorizar sua experiência nas pistas lançando o Fluence GT, esse Alpine seria um esportivo sob medida para atrair novos clientes. Como se diz no mercado, daria um excelente “carro de imagem”.

Veja também

+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar



COMPARTILHAR
Notícia anteriorAs surpresas do novo Alfa
Próxima notíciaRevolução no Prius