Acelerem os motores


Aguarde por brigas acirradas. A Stock Car 2012 chega com mudanças no regulamento e na pontuação. A primeira etapa será no mês que vem, no Autódromo de Interlagos

Os carros continuam com carcaças Peugeot e Chevrolet, mas a marca americana deve apresentar uma nova carroceria, ainda não divulgada, provavelmente do Cruze

Será dada a largada para a temporada 2012 da Stock Car. A principal categoria do automobilismo nacional, este ano, terá um calendário formado por 12 etapas (leia mais no quadro). As disputas prometem continuar acirradas na pista. E, para aumentar a emoção dos fãs, foram providenciadas algumas mudanças no regulamento e no sistema de pontuação. Até o fechamento desta edição, a CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) não havia homologado por completo o novo regulamento. O que se sabe é que, a partir de 2012, o play off, que dava chance aos dez primeiros colocados de concorrer ao título, será extinto. Voltam a valer os pontos corridos. Segundo a empresa Vicar Promoções Desportivas, responsável pela organização, dessa maneira fica mais simples para o público entender e acompanhar o campeonato. Também está de volta o circuito gaúcho de Tarumã, em Viamão, na Grande Porto Alegre.

Entre as equipes, nenhuma novidade, apenas a Pioneer, que se uniu à já existente equipe da Mobil, formando a Mobil Super Pioneer Racing. Seguindo o regulamento, os times que terminaram a temporada passada na última posição foram rebaixados e os dois melhores times da Copa Montana subiram para a Stock Car. Assim, o grid de largada continua formado por 32 carros. Entre eles, 16 bólidos com a bolha da Chevrolet e os outros 16 “vestidos” com a carenagem da Peugeot. “Não há nenhuma grande mudança nos veículos. Eles são praticamente idênticos aos de 2011”, conta Zeca Giaffone, da Indústria JL, responsável pela preparação dos carros.

Com relação ao desempenho dos motores, nada foi alterado, assim como os freios, a suspensão, os pneus, as rodas e a transmissão. O tanque de combustível tem cerca de 97 litros de capacidade. Uma das poucas novidades estreará a partir da terceira ou quarta etapa: um novo banco produzido em fibra de carbono e homologado pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA). “Esse assento é novidade até na Europa e muito mais seguro”, conta Giaffone. Enquanto os organizadores ainda fazem mistério sobre o novo equipamento, alguns pilotos afirmam que ele é semelhante ao usado na Nascar. “Ele tem uma proteção maior na cabeça, é bastante leve, resistente e fechado na região do capacete”, explica o piloto Eduardo Leite, da equipe Hot Car. Outras modificações desta temporada aparecerão ainda no pára-brisas, no anti- choque lateral, na parede corta-fogo e na nova tinta antichama. “Estou me preparando. O esforço físico e mental é muito grande. Além disso, o calor dentro do carro atrapalha demais”, conta Leite.

Calendário 2012 da Stock Car

Serão 12 etapas ao longo deste ano e a grande novidade é o retorno do circuito de Tarumã. A prova no autódromo gaúcho está marcada para setembro e será a 10ª do campeonato

1ª etapa – 25 de março

Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, São Paulo (SP)

2ª etapa – 15 de abril

Autódromo Internacional de Curitiba, Pinhais (PR)

3ª etapa – 6 de maio

GP Ribeirão Preto, circuito de rua em Ribeirão Preto (SP)

4ª etapa – 20 de maio

Autódromo Internacional Velopark, Nova Santa Rita (RS)

5ª etapa – 1º de julho

Autódromo Internacional Ayrton Senna, Londrina (PR)

6ª etapa – 15 de julho

Autódromo Internacional Nelson Piquet, Rio de Janeiro (RJ)

7ª etapa – 5 de agosto

Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, São Paulo (SP)

8ª etapa – 26 de agosto

GP Bahia – Circuito Ayrton Senna nas ruas de Salvador (BA)

9ª etapa – 16 de setembro

Autódromo Internacional de Campo Grande (MS)

10ª etapa – 30 de setembro

Autódromo Internacional de Tarumã, Viamão (RS)

11ª etapa – 21 de outubro

Autódromo Internacional de Curitiba, Pinhais (PR)

12ª etapa – 11 de novembro

Autódromo Internacional Nelson Piquet, Brasília (DF)

A princípio, cada corrida terá 40 minutos de duração. “Este ano, o tempo de corrida diminuiu e não há mais as paradas obrigatórias para abastecimento. Irá contar muito a estratégia de cada equipe”, explica o piloto Diego Nunes, também da Hot Car. “Estou muito contente por termos profissionais e equipamentos de ponta”, comemora. Agora resta pouco parao início da temporada, que será transmitida por canal aberto. Em 2011, Cacá Bueno foi campeão. Quem levará o caneco este ano?

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

COMPARTILHAR
Notícia anteriorMercado
Próxima notíciaContato