Acertou na mão

O lhe para esta VW Saveiro Cross. Não parece igual às outras? Sim e não. A grande novidade da linha 2015 da Volkswagen para a picapinha e o Gol Rallye está onde os olhos não enxergam. Eles ganharam o novíssimo motor 4 cilindros 1.6 16V MSI, construído com bloco e cabeçote de alumínio – da família EA211, a mesma do 3 cilindros do Up. A ideia foi bene ciar desempenho e e ciência. A Volks adotou algumas soluções para reduzir o peso. Entre elas estão a diminuição da massa das bielas, do virabrequim e dos pistões. Este último traz tratamento em gra te para gerar menos atrito. O resultado aparece na balança: um motor 15 quilos mais leve comparado a outro de mesma cilindrada, mas feito de ferro fundido. Ao todo,  o novo propulsor pesa 90 quilos. O fabricante continua oferecendo o motor 1.6 8V (de até 104 cv) para o restante da linha. O cabeçote do motor traz comando de válvulas variável só na admissão, que, além de melhorar as respostas nos giros baixos, coopera na redução do consumo e das emissões de poluentes. Outras melhorias aparecem no coletor de escapamento integrado ao cabeçote, na partida a frio sem necessidade de tanquinho de gasolina, no duplo circuito de arrefecimento – permitindo  que o bloco e o cabeçote trabalhem com temperaturas diferentes – e na incorporação de um radiador de óleo. Tudo isso faz sentido ao volante. A Saveiro Cross 1.6 16V ficou empolgante de dirigir. Agora, são até 120 cv (potência igual à do 2.0 (etanol) que equipava o antigo VW Golf). O giro do motor sobe rápido e a picape ganha velocidade sem esforços – 85% de seus 16,8 kgfm de torque máximo já estão disponíveis a apenas 2.000 rpm. O câmbio manual de cinco marchas continua dando um show, com engates precisos e macios. Já para o Gol Rallye, a transmissão automatizada I-Motion recebe nova embreagem e um software de gerenciamento atualizado para fazer mudanças mais rápidas e suaves. Todas as versões da Saveiro passam a ter freios a disco nas quatro rodas e a Cross ganhou nova barra estabilizadora traseira. Além disso, vieram outros itens inéditos no segmento, como controle de estabilidade e de tração, freios com ABS e EBD mais função off-road (que estreou na Amarok) e assistente de frenagem de emergência e de partida em rampas. Além disso, o utilitário incorpora o sistema de controle do momento de giro, que diminui a possibilidade de o veículo rodar em diferentes condições e níveis de atrito do piso.  Opcionalmente, a Saveiro pode vir com piloto automático, retrovisor eletrocrômico e sensores de chuva e crepuscular. Por dentro, o carro estreou o rádio Double Din com Bluetooth e entradas para SD card e USB, volante multifuncional de couro com os controles de som e de telefone incorporados e bolso porta-objetos nas laterais internas dos bancos, que agora são revestidos em tecido Native.

 

 

 

 

Veja também

+ Fiat faz desconto em toda a linha; preço do Toro cai R$ 32 mil
+ Acesso de fúria de macaco deixa um homem morto e 250 pessoas feridas na Índia
+ Risco de casos graves de Covid é 45% maior em pessoas com sangue do tipo A, segundo pesquisadores europeus,
+ Aprenda a fazer o brigadeiro de paçoca de Ana Maria Braga