Anfavea projeta crescimento de um dígito na produção em 2017

Fabio Braga/Folhapress

Presidente da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), Antonio Megale afirmou durante o Fórum Salão do Automóvel 2016 — evento paralelo ao Salão que reúne dirigentes do setor — que a produção de automóveis no Brasil deve voltar a crescer em 2017, na casa de um dígito.

A razão para essa projeção é a expectativa do fim da crise econômica no País e o crescimento da safra agrícola no próximo ano, que irá colaborar para a retomada nos setores de máquinas e veículos pesados. “Ainda não temos os números fechados, mas acreditamos que será um bom crescimento, dada a crise pela qual o país passa e que acreditamos estar chegando ao fim, pelo menos para o setor”, afirmou Megale.

A expectativa do setor é fechar este ano com queda de 19% na produção. Até outubro, as montadoras com fábricas no Brasil haviam produzido 1.671.481 automóveis de passeio e comerciais leves. No mesmo período de 2015 a produção foi de 2.025.417 veículos leves.