Atropelamento a 30km/h é como cair do 2º andar de prédio, diz especialista

0
0
Foto: Pexels

Um atropelamento no trânsito, quando o veículo está em movimento a uma velocidade de apenas 30km/h, pode provocar um dano equivalente a uma queda do segundo andar de um edifício.

Em uma velocidade de 60km/h, por exemplo, o acidente corresponde a uma queda do 6º andar e o pedestre tem 98% de chance de vir a óbito.


+ Álcool e volante: confira qual o perfil e horário das mortes por acidente em SP
+ Bati o carro: veja 5 coisas que você precisa fazer após o acidente

Os dados fazem parte de um estudo revelado por Adriana Jakovcevic, especialista argentina em Segurança Viária na WRI Brasil, que participou de um webinar do Departamento Estadual de Trânsito do Estado de São Paulo (Detran.SP) em parceria com a Iniciativa Bloomberg para Segurança Global no Trânsito.

“A velocidade com que o condutor dirige um veículo está diretamente relacionada ao risco dos incidentes e a gravidade do sinistro. Uma redução de até 5% na velocidade média do veículo pode resultar em 30% menos sinistros fatais. É extremamente necessário que tenhamos em todo o mundo cada vez mais ações de conscientização no trânsito para melhorarmos acidentes e óbitos no trânsito”, explica Jakovcevic.

MAIS NA MOTOR SHOW:
+ Volvo vai retirar couro animal de carros elétricos
+ Peugeot e-208 GT é exibido antes do lançamento; Confira o teste rápido
+ Teste exclusivo: Porsche 911 GT3 é o novo rei do track day
+ Carro capota sete vezes em rally e piloto sobrevive; Assista
+ Toyota lança serviço de assinatura que inclui Corolla Cross; Veja os preços
+ Confira o valor de seguro dos carros usados mais vendidos em agosto
+ Carros clássicos: leilão tem Opala, Rural e Corcel a partir de R$ 4 mil; veja como participar
+ Veja o caso do examinador de trânsito que oferece CNH em troca de Pix
+ Prepare o bolso: IPVA deve ficar mais caro com valorização de novos e usados
+ Segredo: os novos SUVs compactos da Volvo e da Smart