Audi terá só carros elétricos a partir de 2033

Até 2025, a marca de luxo do Grupo Volkswagen pretende atingir a marca de 20 modelos elétricos em sua gama

0
442
Audi RS e-tron GT Carro elétrico
Audi RS e-tron GT

A Audi confirmou nesta terça-feira (22) os seus planos para se tornar uma marca de carros 100% elétricos nos próximos 12 anos.

+ Esportivo elétrico, Audi RS e-tron GT entra em pré-venda no Brasil
+ Audi apresenta os novos Q4 e-tron e Q4 Sportback e-tron
+ Audi e-tron vs. Jaguar I-Pace: um comparativo dos SUVs elétricos que adiantam o futuro
+ Avaliação: Audi e-tron Sportback é SUV-cupê elétrico com dois motores e câmeras no lugar dos retrovisores


Dentro dessa estratégia global, a Audi pretende lançar apenas carros elétricos a partir de 2026, trabalhando para eliminar gradualmente os veículos com motores a combustão até 2033.

Este, porém, não é um prazo final. A marca de luxo da Volkswagen prevê que alguns mercados, como a China, vão continuar contando com modelos a combustão por mais alguns anos. Deixando à cargo dos consumidores e dos legisladores o momento para o fim definitivo dos Audi a diesel ou a gasolina.

“Eu não acredito em proibições. Mas no sucesso da tecnologia e inovação”, destaca o CEO da Audi, Markus Duesmann, em nota divulgada à imprensa.

As metas fazem parte do plano de mobilidade elétrica que tem como objetivo se tornar uma companhia de emissões zero até 2050. Atualmente, a Audi conta com os elétricos e-tron, e-tron Sportback, Q4 e-tron, Q4 Sportback e-tron e e-tron GT. Até 2025, a empresa pretende atingir a marca de 20 modelos elétricos em sua gama.

Mais na Motor Show

+ Bentley cria volante que pode ser usado no carro e nos games
+ Lancia apresenta o patinete elétrico Ypsilon Hybrid Ecochic
+ Justiça nega pedido de motorista para trocar placa de carro com letras “GAY”
+ Ladrões estão furtando airbag de carros da Chevrolet nos EUA
+ SUV Duster ganha atualização visual e novo câmbio na Europa
+ Leilão na próxima sexta (25) traz dois Fusca dos anos 1970