Avaliação: o Chevrolet Prisma LTZ está mais equipado e econômico


O Prisma é o Onix três-volumes. Se bem que a GM não quer salientar demais o porta-malas que caracteriza o sedã. Por isso, tenta disfarçar essa marcação do terceiro volume para poder chamá-lo de “sedã estilo cupê”. Um certo exagero, mas isso não faz diferença, pois o Prisma tem todas as qualidades de seu irmão mais velho e a vantagem de oferecer um bagageiro muito maior: com 500 litros, tem 220 a mais que o hatch. Visualmente, o Prisma é igualzinho ao Onix na dianteira, mas sua traseira agora ganhou uma pequena saliência que faz o papel de “aerofólio”. Por dentro, o Chevrolet Prisma 1.4 tem dois tons.

As modificações estéticas, a cobertura inferior do motor e o defletor do eixo traseiro melhoraram a aerodinâmica do Prisma em 8%. Sua redução de peso foi ainda maior que a do Onix: 34 kg. Assim, ele ficou 22% mais econômico na versão com câmbio manual. Com gasolina, o Prisma 1.4 MT6 é capaz de fazer 15,4 km/l na estrada. Ele também ganhou equipamentos importantes, como câmera de ré e monitoramento da pressão dos pneus individualmente nas próprias rodas. Como um carro familiar, entretanto, é imperdoável não contar com o sistema isofix para cadeirinhas infantis. Para os adultos, a tela multimídia de 7” com botões maiores e intuitivos foi uma boa melhora.

Principalmente porque ele pode conectar smartphones pelos sistemas Apple CarPlay e Android Auto e mostra as informações de navegação do Google Maps no painel de instrumentos. Um consumidor desatento pode fugir do Prisma, devido ao seu parentesco passado com o pequeno Chevrolet Celta. Porém, desde que passou a ser o sedã do Onix, em 2013, o Prisma se transformou numa boa compra. Tanto que lidera sua categoria desde 2014. Só no primeiro semestre deste ano foram mais de 31.000 Prisma emplacados, o que coloca o sedã da Chevrolet na sétima posição do ranking geral de vendas, duas acima da que conquistou ao final de 2015.

—–

Ficha técnica:

Chevrolet Prisma 1.4 LTZ

Preço básico: R$ 53.690
Motor: 4 cilindros em linha 1.4, 8V
Cilindrada: 1389 cm3
Combustível: flex
Potência: 98 cv a 6.000 rpm (g) e 106 cv a 6.000 rpm (e)
Torque: 13,0 kgfm a 4.800 rpm (g) e 13,9 kgfm a 4.800 rpm (e)
Câmbio: manual, seis marchas
Direção: elétrica
Suspensões: McPherson (d) eixo de torção (t)
Freios: disco ventilado (d) e tambor (t)
Tração: dianteira
Dimensões: 4,282 (c), 1,705 m (l), 1,478 m (a)
Entre-eixos: 2,528 m
Pneus: 185/65 R15
Porta-malas: 500 litros
Tanque: 54 litros
Peso: 1.054 kg
0-100 km/h: 11s0 (g) e 10s5 (e)
Velocidade máxima: 180 km/h (g/e)
Consumo cidade: 12,8 km/l (g) e 8,8 km/l (e)
Consumo estrada: 15,4 km/l (g) e 10,7 km/l (e)
Consumo nota: B
Emissão de CO2: 98 g/km (com etanol = 0 g/km)
Nota do Inmetro: B
Classificação na categoria: A (Médio)