Avaliação: Toyota Etios Platinum tem qualidades, mas já sente o peso dos concorrentes

O hatch compacto combina uma mecânica afinada a uma boa lista de equipamentos. Mas fica devendo sofisticação frente aos adversários de nova geração

30718

O mercado brasileiro de hatches compactos mudou muito na última década. De carros que eram relativamente simples, mesmo em suas versões mais caras, passamos a ver versões de topo com itens impensáveis anos atrás, como câmbio automático e bancos de couro. E a Toyota não deixou de acompanhar essas mudanças, como fica claro no Etios Platinum. Vendido por R$ 66.320, tem piloto automático, volante, manopla de câmbio e bancos em couro, carpetes exclusivos, câmbio automático, trio elétrico, ar-condicionado, rodas de liga leve e multimídia com GPS e tevê.

O Etios Platinum está equipado um motor 1.5 flex 16V de 102/107 cv (gasolina/etanol). Dotado de duplo comando variável, é atualmente um dos motores mais atuais do seu segmento no mercado brasileiro. Já o câmbio automático, apesar de ter apenas quatro marchas, surpreende por seu funcionamento eficiente, com trocas rápidas e sem trancos. O conjunto mecânico, aliás, é um dos pontos mais elogiados do modelo, assim como os sistemas de direção (elétrica, leve em manobras e firme em velocidade) e suspensão (bem acertada, é macia sem ser molenga).

Mesmo com a dianteira reestilizada e o novo e sofisticado painel digital, o Etios atual ainda é muito parecido com o carro lançado em 2012. E o visual é justamente um dos pontos mais controversos do Etios Platinum. Nessa versão, o hatch ganha equipamentos, mas ainda tem cara de carro de entrada, como evidenciam os plásticos duros, os painéis de porta de desenho simples e a ausência do travamento automático das portas. E apesar de ter isofix, fica devendo itens de segurança como airbags laterais e controle eletrônico de tração e estabilidade, já presentes em outros modelos da mesma faixa de preço.

E essa falta de sofisticação que pode custar a vida do Etios Platinum. Afinal, o mercado de compactos continua em evolução, como atestam o Fiat Argo e o VW Polo, ambos com mecânica bem afinada, bom acabamento e uma sofisticação maior que a do Toyota. A briga promete ficar ainda mais séria no ano que vem, quando a Toyota vai trazer o Yaris, mais sofisticado, justamente para oferecer combate a essa nova onda de hatches. No final das contas, o Etios Platinum ainda é um bom carro. O problema dele são os outros…


Ficha técnica:

Toyota Etios Platinum

Preço básico: R$ 66.320
Carro avaliado: R$ 66.320
Motor: 4 cilindros em linha 1.5, 16V, duplo comando variável
Cilindrada: 1496 cm3
Combustível: flex
Potência: 102 cv a 5.600 rpm (g) e 107 cv a 5.600 rpm (e)
Torque: 14,3 kgfm a 4.000 rpm (g) e 14,7 kgfm a 4.000 rpm (e)
Câmbio: automático, quatro marchas
Direção: elétrica
Suspensões: MacPherson (d) eixo de torção (t)
Freios: disco ventilado (d) e tambor (t)
Tração: dianteira
Dimensões: 3,777 m (c), 1,695 m (l), 1,510 m (a)
Entre-eixos: 2,460 m
Pneus: 185/60 R15
Porta-malas: 270 litros
Tanque: 45 litros
Peso: 1.008 kg
0-100 km/h: 11s1 (e)
Velocidade máxima: 187 km/h (e)
Consumo cidade: 8,1 km/l (e) e 11,9 km/l (g)
Consumo estrada: 9,2 km/l (e) e 13,2 km/l (g)
Nota do Inmetro: B
Classificação na categoria: A

blog comments powered by Disqus