Avaliação: Toyota Etios X AT é de uma simplicidade encantadora

O Etios X AT tem visual simples e não é tão equipado, mas agrada pela dirigibilidade – faz milagre com o câmbio de quatro marchas

29866

Nunca julgue um carro pela sua aparência. Esse Toyota Etios X AT das fotos, que sai por R$ 54.640 (pintura branca perolizada) e traz o visual simplório de um carro de firma, pode até não parecer promissor. Mas poucos carros nessa faixa de preço me deixam mais encantados na convivência diária do que o hatch compacto da marca japonesa.

O ponto que mais me chama a atenção no Etios é a dirigibilidade bem acertada. No meu trajeto do trabalho para casa, tenho a opção de enfrentar o trânsito lento da Marginal Tietê ou fazer o mesmo trajeto por rodovia, pelo Rodoanel Mario Covas. E nessas duas situações tão opostas, o hatch consegue se virar muito bem.

No trânsito lento, o câmbio automático de quatro marchas surpreende pela suavidade no funcionamento, chegando a lembrar alguns dos concorrentes equipados com câmbio CVT, enquanto o motor 1.3 de 98 cv mostra bom desempenho desde a faixa abaixo das 2.000 rpm. Já na estrada, o conjunto motriz surpreende, com as trocas rápidas de marcha e a elasticidade do motor.

Junte nessa receita a direção elétrica leve e precisa, a posição de dirigir agradável, e a suspensão confortável sem ser molenga, e você tem a receita certa para ganhar o meu coração. Tenho em casa um carro compacto do início dos anos 2010 e, por isso, não faço questão de equipamentos como sensores de estacionamento ou sistemas multimídia sofisticados.

O Etios é espartano, mas não deixa de trazer o básico para uma boa convivência diária. Tem ar-condicionado, vidros, travas e retrovisores elétricos, um interessante painel digital com computador de bordo, isofix, cintos de segurança de três pontos para todos os passageiros e até mesmo controles eletrônicos de tração e estabilidade (novidade na linha 2019). O único pecado é a falta de um rádio, mas nada que não possa ser adquirido posteriormente pelo proprietário.

Depois de tudo isso, acho que ficou bem claro que eu compraria um Etios. E seria exatamente esse das fotos. Como eu disse na última vez que avaliei esse Toyota, no ano passado, o modelo já sofre com a concorrência de outros carros mais sofisticados em suas versões mais caras. Não é o caso deste Etios X AT, que ainda tem um ótimo custo-benefício. Ele pode não ser tão bonito nem se comportar como um esportivo, mas é encantador a sua maneira.


Ficha técnica:

Toyota Etios Hatch X AT

Preço básico: R$ 47.270
Carro avaliado: R$ 54.640
Motor: 4 cilindros em linha 1.3, 16V, duplo comando variável
Cilindrada: 1329 cm³
Combustível: flex
Potência: 88 cv 5.600 rpm (g) e 98 cv a 5.600 rpm (e)
Torque: 12,5 kgfm a 4.000 rpm (g) e 13,1 kgfm a 4.000 rpm (e)
Câmbio: automático, quatro marchas
Direção: elétrica
Suspensões: MacPherson (d) e eixo torção (t)
Freios: disco ventilado (d) e tambor (t)
Tração: dianteira
Dimensões: 3,884 m (c), 1,695 m (l), 1,510 m (a)
Entre-eixos: 2,460 m
Pneus: 175/65 R14
Porta-malas: 270 litros
Tanque: 45 litros
Peso: 955 kg
0-100 km/h: 11s8 (e)*
Velocidade máxima: 170 km/h (e)*
Consumo cidade: 11,8 km/l (g) e 8,2 km/l (e)
Consumo estrada: 13,3 km/l (g) e 9,2 km/l (e)
Emissão de CO²: 107 g/km
Nota do Inmetro: B
Classificação na categoria: A (Compacto)


Contraponto

Por Flavio Silveira

Dizem que gosto não se discute, e ouço muitas críticas ao design do Etios. Mas, pessoalmente, eu gosto do seu desenho – e nem achei tão simples, pois a Toyota deu uma atualizada nele, com nova grade e para-choques e máscara negra nos faróis. O interior de fato é simples, mas é bem acabado. Colocando um rádio que leia pen drives, já está ótimo para mim: o GPS coloco no meu próprio celular, que pode ficar fixado no vidro à minha frente, já que o painel é central – todo digital e com várias opções de visualização (os comandos podiam ser mais fáceis de acessar, e não no próprio painel). Mas o que conquista no Etios, como disse o Evandro, é a dirigibilidade.

Poucos carros são tão bons de guiar: o motor tem bom torque em baixa, é extremamente elástico e conversa bem com o câmbio, compensando o fato de ter só quatro marchas, as suspensões são robustas e silenciosas, a direção é bem calibrada… Um modelo que sem dúvida colocaria na garagem – como segundo carro, porque preciso de mais porta-malas nas viagens. Para mim, o Etios é a melhor porta de entrada para o mundo dos automáticos.

COMPRE SE…
Você busca um carro automático acessível e com dirigibilidade bem acertada, pois ele ficou bem ajustado.
Quer um carro compacto com desempenho superior ao dos 1.0, mas com baixo consumo de combustível.

NÃO COMPRE SE…
Faz questão de itens como central multimídia ou sensor de estacionamento; o Etios não oferece opcionais.
Precisa de um porta-malas grande, pois o espaço para bagagens é bastante limitado, de apenas 270 litros.

CONSIDERE TAMBÉM ESSES CONCORRENTES

blog comments powered by Disqus