Avaliação: VW Polo MSI muda de trajetória para ficar na moda

    Finalmente o VW Polo 1.6 MSI passa a ser oferecido com o câmbio automático de seis marchas. Só não vale a pena levar o carro completo

    7735

    No lançamento do VW Polo, há um ano, chamou atenção o fato de a montadora alemã oferecer o câmbio automático apenas nas versões Comfortline e Highline, com o motor 1.0 TSI. Um excesso de cautela em um mercado no qual os automáticos ganham cada vez mais a preferência do público. Antes tarde do que nunca, a montadora passa a oferecer este tipo de transmissão também na versão MSI, equipada com o motor 1.6 aspirado e que está disponível nas concessionárias a partir de R$ 62.690.

    O novo Polo MSI AT conserva o mesmo bom acerto de direção e suspensão do MSI manual, mas com a comodidade extra do câmbio automático. Mesmo com um comportamento mais pacato (principalmente nas saídas de semáforo) do que o motor 1.0 TSI das versões mais caras, o 1.6 16V de 117 cv (abastecido com etanol) tem funcionamento elástico e é bem adequado à proposta do carro. Casa muito bem com o câmbio automático de seis marchas, que é o mesmo usado no Gol AT e que havíamos elogiado pelas respostas ágeis. Com trocas sequenciais e modo esportivo, é uma pena que, diferentemente do Gol, no Polo ele não venha acompanhado das borboletas para trocas sequenciais de marcha no volante.

    De série, o MSI AT traz airbags laterais, isofix, ar-condicionado, rádio com bluetooth, direção elétrica, vidros elétricos nas quatro portas e rodas de aço de 15” com calotas. A lista de opcionais tem assistente de partida em rampa, controles de tração e estabilidade, rodas de liga leve, central multimídia, sensor de estacionamento traseiro e retrovisores com ajuste elétrico. Itens que deixam o Polo bem posicionado frente a concorrentes como o Fiat Argo Drive 1.3 GSR e o Toyota Yaris XL, que oferecem um nível de equipamentos semelhante, porém combinado a um câmbio automatizado de embreagem simples (Argo) e um motor menos potente (Yaris).

    Mas convém pesar as suas prioridades antes de fechar negócio, já que o Polo MSI AT só vale a pena se for comprado sem os opcionais. Se você quiser um carro completo, como o das fotos, é preciso desembolsar R$ 67.953. Apenas R$ 167 a menos do que o valor pedido pelo Polo Comfortline, que já traz de série todos os opcionais da versão MSI e o motor turbo mais potente.


    Ficha técnica:

    Volkswagen Polo 1.6 MSI AT

    Preço básico (1.6): R$ 62.690
    Carro avaliado: R$ 67.953
    Motor: 4 cilindros em linha 1.6, 16V
    Cilindrada: 1598 cm3
    Combustível: flex
    Potência: 110 cv a 5.750 rpm (g) e 117 cv a 5.750 rpm (e)
    Torque: 15,8 kgfm a 4.000 rpm (g) e 16,5 kgfm a 4.000 rpm (e)
    Câmbio: automático, seis marchas
    Direção: elétrica
    Suspensões: MacPherson (d) eixo de torção (t)
    Freios: disco ventilado (d) e tambor (t)
    Tração: dianteira
    Dimensões: 4,057 m (c), 1,751 m (l), 1,468 m (a)
    Entre-eixos: 2,565 m
    Pneus: 185/65 R15
    Porta-malas: 300 litros
    Tanque: 52 litros
    Peso: 1.096 kg
    0-100 km/h: 10s5 (e)
    Vel. máxima: 188 km/h (e)
    Consumo cidade: 7,9 km/l (e) e 11,0 km/l (g)
    Consumo estrada: 9,6 km/l (e) e 13,8 km/l (g)
    Emissão de CO²: 111 g/km
    Nota do Inmetro: B
    Classificação na categoria: C (Compacto)

    NOSSO VEREDICTO
    Motor
    Câmbio
    Desempenho
    Consumo
    Segurança
    Equipamentos
    Multimídia
    Conforto
    Porta-malas
    Prazer ao dirigir
    COMPARTILHAR
    Notícia anteriorAs melhores pistas: Mosport, Canadá: (10º lugar)
    Próxima notíciaMitsubishi Outlander 2019 chega com novidades
    blog comments powered by Disqus