BMW apresenta nova geração do sedã Série 5

0
2215

Não é só no visual que o novo BMW Série 5 é parecido com o Série 7. A sétima geração do modelo, apresentada nesta semana pela montadora alemã, chega tendo como principal destaque as novidades tecnológicas apresentadas inicialmente para o sedã de luxo da marca.

Um desses equipamentos que migraram do Série 7 para o novo Série 5 é o sistema multimídia iDrive 6.0 com tela de alta resolução de 10,25 polegadas, que além de funções padrão desse tipo de equipamento, como o navegador GPS, permite o controle por meio de gestos. Como opcional, o Série 5 pode receber ainda duas opções de sistemas de som premium (Bowers & Wilkins ou Harman Kardon com 16 alto-falantes) e um equipamento de DVD compatível com BluRay para os passageiros do banco traseiro.

Outros destaques do Série 5 são o Assistente de Mudança de Pista, que agora corrige automaticamente o curso em velocidades até 210 km/h e evita colisões laterais, impedindo a mudança de faixa caso exista algum veículo em um ponto cego. Já o piloto automático adaptativo é capaz de realizar manobras evasivas sem a interferência do motorista, em caso de frenagem brusca do veículo à frente, em velocidades de até 160 km/h.


Com o uso de novos aços de alta resistência, magnésio e alumínio na carroceria, o novo série 5 é até 62 quilos mais leve do que a geração anterior mesmo sendo 3,048 mm mais longo, 7,62 mm mais largo e 1,524 mm mais alto.

A gama de motores do modelo é composta pelo motor 2.0 de quatro cilindros e 252 cv (versão 530i), que acelera o sedã de 0 a 100 km/h em 6,2 segundos, e o 3.0 seis cilindros em linha de 340 cv, que faz o BMW 540i acelerar de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos. Ambos com velocidade máxima limitada a 250 km/h.