Caça-Ruídos


Sabe aquele barulhinho irritante que você nunca consegue identificar de onde vem e que acaba tirando um pouco do prazer de dirigir seu carro? Ele pode ser definitivamente extinto. Acredite ou não, existem algumas oficinas especializadas somente em tirar esses incômodos da vida do motorista. Para conferir como funciona o serviço, MOTOR SHOW resolveu levar um Volkswagen Gol Plus ano 2001 com alguns ruídos internos a uma dessas oficinas.

Antes de colocar a mão na massa, Jean Souza, proprietário do estabelecimento, quis dar uma volta no veículo no banco do passageiro. Segundo ele, não há como diagnosticar os problemas do carro apenas ouvindo os relatos do motorista de onde vêm os barulhos. “Os sons costumam confundir muito. Às vezes você acha que eles vêm de um lugar, quando, na verdade, vêm de outro totalmente diferente”, explica Souza, que dá o exemplo de um cliente que achava ter um ruído no painel, mas que depois de feita a verificação foi constatado que vinha do pino do freio de mão.

Antes de iniciar o trabalho, o especialista pede para dar uma volta no carro, sentado no banco do passageiro. Segundo ele, nem sempre o proprietário identifica corretamente a origem do barulho e, por isso, a empresa não confia no seu relato.

Com os vidros fechados e trafegando em uma rua de paralelepípedo, ele logo deu seu parecer. Os ruídos de nosso Gol vinham da falta de revestimento da porta direita. Um problema simples de ser solucionado

Ao sair para dar a volta, Souza pediu que fechássemos os vidros e nos encaminhou a uma rua de paralelepípedos. Retornando à oficina, ele já sabia de onde vinham e o que estava ocasionando os famosos grilos de nosso Gol. O problema era falta de revestimento na porta direita, que fazia com que o tampão ficasse em atrito com a lataria. Nada que algumas espumas bem colocadas e apertos nos forros não resolvessem. E foi isso que fez Waldenir Gomes, funcionário da empresa.

Com mais de cinco anos de experiência no ramo, ele diz que, apesar de não ser um trabalho muito complexo, é preciso ter paciência e ouvidos aguçados para detectar e acabar com os barulhos. “Muitas vezes um simples barulhinho nos toma muito tempo, mas não desistimos até que ele desapareça”, afirma Gomes. O serviço durou cerca de uma hora. Depois de terminado, saímos novamente e comprovamos que os ruídos indesejáveis haviam sumido.

De acordo com Souza, dependendo do carro e da complexidade do trabalho, o preço varia de R$ 60 a R$ 700. O tempo também é influenciado pela gravidade do problema. Se for apenas revestimento, o serviço dura em média uma hora, mas se o defeito for mais grave pode chegar a três dias, como acontece quando o barulho vem de uma falha estrutural, que exige reforço nas soldas do veículo.

Alessandro Santos, um dos clientes mais fiéis da oficina, já levou cerca de oito carros próprios para fazer o serviço. O que mais lhe saiu caro foi uma BMW 325 que teve seu interior completamente revestido.

A brincadeira saiu por R$ 600, valor que Santos não julga alto. “Sou muito chato com barulhos, por isso o serviço vale muito a pena”.

Segundo Souza, não há métodos muito eficientes para evitar os ruídos em carros produzidos em série. Todos os veículos estão sujeitos a esse mal, independentemente do preço que custam ou da marca que possuam, mas, segundo ele, os Toyota e Honda, em geral, sãoos menos barulhentos.

No caso do carro usado na reportagem, bastou desmontar o revestimento da porta e colocar espumas em locais estratégicos. Para finalizar, o forro recebeu reapertos e, uma hora depois, os barulhos haviam desaparecido por um custo de R$ 60

SERVIÇO: OFICINA PAPA GRILLOS

Rua Coriolano, 34 – Pompéia – São Paulo , SP

Fone: (11) 3865-8144

www.papagrillos.com.br

COMPARTILHAR
Notícia anteriorMil Milhas
Próxima notíciaFamília feliz