Caoa Chery apresenta o novíssimo sedã Arrizo 5 a partir de R$ 69 mil

Carro chinês fabricado no Brasil estreia durante o Salão de São Paulo com preços entre R$ 69 mil e R$ 79 mil na categoria do VW Virtus

9935

O casamento da Caoa e da Chery já deu o segundo fruto: depois do Tiggo 2 (um SUV compacto lançado recentemente), o sedã compacto Arrizo 5 foi apresentado hoje em Jacareí (SP), onde é fabricado. O carro começará a ser vendido na segunda quinzena de novembro, logo depois de sua apresentação para o público, no Salão de São Paulo. O Arrizo (pronuncia-se Arizo) terá duas versões (RX e RXT) e custará entre R$ 69.000 e R$ 79.000. Os preços oficiais serão anunciados no segundo dia de imprensa do salão. O Arrizo 5 disputará o segmento de sedãs compactos superiores com Volkswagen Virtus, Honda City e Toyota Yaris.

O motor das duas versões será o mesmo: 4 cilindros 1.5 flex com turbo compressor e comando de válvulas variável. A potência é de 147/150 cv (gasolina/etanol), com 19,4 kgfm de torque a 5.500 rpm. O câmbio será sempre automático do tipo CVT com sete marchas simuladas. Tivemos a oportunidade de conhecer o carro parado e de entrar dentro dele. O espaço na traseira é muito bom, graças aos 2,650 m de distância entre-eixos. Ele mede 4,532 m de comprimento, 1,814 me de largura e 1,487 m de altura. O porta-malas é de 430 litros. Atrás o Arrizo 5 tem cintos de três pontos e encosto de cabeça para três passageiros. Três adultos terão dificuldade com os ombros, mas não com as pernas bem com as cabeças.

O acabamento é bom, apesar de os materiais não terem sofisticação. A posição de dirigir é boa, mas o ajuste do volante é apenas em altura. O design do interior é o ponto fraco do carro, especialmente o quadro de instrumentos, bastante sem graça. Em compensação, o volante tem acabamento de couro e aro grosso. Itens como direção elétrica, ar-condicionado eletrônico e câmera de ré certamente vão agradar o consumidor da Caoa Chery. A central multimídia será compatível com Android Auto e Apple CarPlay. Itens de segurança, como isofix, airbags laterais e monitoramento de pressão dos pneus também estarão disponíveis.

Se o design do interior não empolga, por fora ele é mais atraente, especialmente visto de lado e de traseira (onde imita o recuo do VW Jetta na tampa do porta-malas). O Arrizo 5 utiliza a plataforma M1X, feita em parceria com montadoras globais e o design foi chefiado pro Kevin Rice, ex-estilista da Porsche. O carro exposto tinha rodas de liga leve de 17” com cinco furos e dez raios, pneus 205/60 Michelin Primacy4 e freios a disco nas quatro rodas.

No futuro, a Caoa Chery produzirá também o Arrizo 7, um sedã médio para brigar na categoria do Toyota Corolla e do Honda Civic. A previsão de vendas do Arrizo 5 é de 7.000 carros em 2019. No total, a Caoa Chery planeja vender 34.000 carros no ano que vem, sendo 3.500 QQ (hatch subcompacto) e 13.500 Tiggo 2, Tiggo 4 e Tiggo 7 (SUVs). Em poucos meses, a marca aumentou sua rede de 25 para 100 concessionárias, com dois especialistas de produto para cada uma. E o depósito de peças de Barueri (SP) foi ampliado para 14.000 m2.

blog comments powered by Disqus