Chevrolet revela detalhes do “novo Prisma” brasileiro

Nova geração do sedã terá tamanho do Cobalt e não irá matar o modelo atual

Chevrolet Prisma brasileiro (Divulgação)

A Chevrolet revelou nesta quinta-feira (11) as primeiras informações oficiais dos novos Onix e Prisma, modelos que serão os primeiros membros do projeto Global Emerging Markets (GEM) no Brasil.

O primeiro a chegar será o novo Prisma, que estreia ainda este ano. A segunda geração do sedã irá crescer e terá dimensões próximas às do Cobalt atual, além de receber um novo motor turbo.

De acordo com a marca — em um primeiro momento — os novos modelos não irão substituir atuais Onix e Prisma, em um arranjo que irá repetir a estratégia da marca com a versão Joy dos dois modelos (com o visual pré-reestilização).

Tivemos o primeiro contato com um protótipo camuflado e constatamos que o modelo será muito próximo ao carro que já foi mostrado no mercado chinês. Em relação ao nome do novo sedã, a Chevrolet ainda não confirma se irá manter o nome Prisma ou adotar Onix Sedan, como na China.

De acordo com a Chevrolet, os planos incluem 11 lançamento no mercado brasileiro em 2019. O número inclui o Camaro reestilizado (confira aqui a avaliação) e os Cruze e Cruze Sport6 com novo visual.