Cinco dias após título da F1, Nico Rosberg anuncia aposentadoria

0
1221
Divulgação

Na semana em que garantiu o título de pilotos da Temporada 2016 da Fórmula 1, o alemão Nico Rosberg surpreende e anuncia, aos 31 anos, que irá deixar o automobilismo. A decisão, segundo ele, foi motivada por motivos familiares.

“Em 25 anos de automobilismo, o meu único sonho era se tornar campeão mundial de Fórmula 1. Através de trabalho duro, dor e sacrifícios, este era o meu objetivo. E eu o conquistei”, destacou o agora ex-piloto da Mercedes em uma mensagem em sua conta no Facebook.


“Esta temporada foi muito dura. Eu me esforcei feito um louco após as decepções dos últimos dois anos; que levaram a minha motivação a níveis que eu nunca havia experimentado antes. E claro que isso teve um impacto na vida das pessoas que eu amo. Foi um esforço de toda a minha família, colocando tudo atrás do nosso objetivo”, completou Rosberg.

Filho do finlandês Keke Rosberg, campeão da categoria em 1982, o alemão estreou na Fórmula 1 em 2006, pela Williams, e desde 2010 era piloto da equipe Mercedes. Rosberg disputou 206 GPs na categoria, com um saldo de 57 pódios e 23 vitórias (a primeira delas no GP da China de 2012). Além do título deste ano, ele foi vice-campeão por duas vezes, em 2014 e 2015.

Em julho, Nico havia renovado o seu contrato com a equipe alemã até 2018. A Mercedes ainda não anunciou um substituto para o piloto.