Citroën mostra conceito com espírito aventureiro

A Citroën apresentou o conceito Cactus M. Inspirado no modelo Méhari – produzido entre 1968 e 1988 – e derivado do estudo Citroën Aircross, que foi apresentado no salão de Xangai deste ano, o Cactus M exibe um caráter aventureiro. Segundo a Citroën, ele é uma proposta outdoor do Cactus. Essa personalidade foi estendida ao interior, com os bancos forrados de neoprene e a cabine totalmente lavável, graças aos orifícios no chão para escoar a água. O arco de teto permite aos passageiros colocarem pranchas de surf, de wakeboard, de windsurf, entre outros equipamentos. Já os bancos podem ser rebatidos para se tornarem uma cama.  O Cactus M mede 4,16 m de comprimento, 1,73 m de largura e 2,60 m de entre-eixos. 

Para vencer os caminhos (mais) difíceis, o novo estudo da Citroën traz o sistema Grip Control, que permite maior capacidade de tração ao modelo em pisos com baixa aderência. De acordo com o fabricante, o conceito Cactus M registra médias de 20,9 km/l e emissão de poluentes de 110 g/km.

Veja também

+ A biblioteca básica do motociclista cool
+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas
+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial
+ Os 20 carros 1.0 mais econômicos do mercado brasileiro
+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar