Ford EcoSport estreia novo visual até o fim do ano… com estepe na traseira


Previsto para estrear em 2018 nos Estados Unidos, o Ford EcoSport reestilizado é uma das atrações da marca do oval em Detroit (EUA) e adianta (parte) das linhas do modelo que chega ao mercado brasileiro até o final deste ano.

No Brasil, o crossover compacto vai ganhar a mesma frente do carro das fotos. Mas diferente do carro vendido no exterior, o Eco brasileiro irá permanecer com o estepe posicionado na tampa do porta-malas. Por dentro, a novidade é o novo sistema multimídia Sync 3, que também deverá estar presente no Eco brasileiro.

Outras novidades

Além do EcoSport reestilizado, a Ford reforçou ainda que segue no cronograma da marca para 2017 a importação oficial do Mustang, confirmada no Salão de São Paulo, em novembro passado. O esportivo chega até o fim deste ano, mas a marca não definiu ainda os motores e carrocerias que serão oferecidas no Brasil. Se a Ford decidir se basear no que faz a Chevrolet com o Camaro, podemos esperar o Mustang V8 e as opções de carroceria cupê e conversível.

Ainda em relação do mercado brasileiro, a atual geração do Fiesta, produzida em São Bernardo do Campo (SP) segue firme no mercado mesmo após o lançamento de uma nova geração na Europa. E que ainda segue sem previsão para o Brasil.

A montadora confirmou em Detroit o retorno da picape Ranger aos Estados Unidos, em 2019, e o lançamento, em 2020, de um novo utilitário que irá ressuscitar o nome Bronco.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel