Compra do Ano 2021/Cupê: Honda Civic Si

Um legítimo e belo cupê esportivo, com uma potência que se pode usar


A Compra do Ano 2021 na categoria cupê é O Honda Civic Si. Mas, infelizmente, você vai ter procurá-lo no mercado de usados. Após a publicação da revista, Todo o lote importado pela Honda foi vendido, e, com a alata do dólar, a marca decidiu não mais importá-lo.

SUV-Cupê, cupê de quatro portas… todo mundo quer ser cupê, até mesmo os SUVs e os sedãs. Mas há poucos cupês de verdade no mercado. Alguns deles, caros e muito potentes, como Audi TT RS, Mercedes-Benz Classe C Coupé e o Porsche 911 (leia aqui), migram para a categoria Esportivos.

Aqui, o Honda Civic Si leva o prêmio – não só por ser um legítimo cupê e, de longe, o mais acessível da categoria, mas por ser um belíssimo esportivo.

A Honda acertou em não trazer mais a versão sedã, muito parecida com o Civic “comum”. Não que não fosse bacana, dava até para levar melhor a família, mas quem compra o Si quer exclusividade. Com para-choques mais “musculosos” e um enorme aerofólio, o visual “matador” chama muita atenção.

Em 2018, ele chegou aqui pela primeira vez como Coupé, trocando o motor 2.4 aspirado por este 1.5 turbo. Muitos lamentaram, pois não sobe de giros tão deliciosamente até passar das 8.000 rpm (agora corta a 6.000). Mas potência e torque melhoraram, apimentando o desempenho e reduzindo o consumo (na boa, supera 10 km/l na cidade e 15 na estrada).

São 208 cv e 28,5 kgfm, e muitos dizem que a potência ideal é aquela que se “pode” usar. E essa cavalaria, junto de um câmbio manual – raridade mesmo entre esportivos hoje – garante muita diversão ao volante.

A alavanca curta tem engates precisos, e as relações das seis marchas, agora encurtadas, cooperam para uma tocada “nervosa”. A máxima é de 238 km/h, com 0-100 km/h em ótimos 7,2 segundos.

As suspensões com amortecedores magnetoreológicos também são excepcionais: não sacrificam tanto o conforto cotidiano, e no modo Sport ficam mais firmes, permitindo fazer curvas em altíssima velocidade com equilíbrio notável. Para completar, a direção rápida e muito afiada, como em todo Civic, também melhora no modo Sport.

No mais, bancos esportivos e acabamento tipo carbono em uma cabine que pode não ser luxuosa, mas tem ar-condicionado bizona, freio de mão elétrico, carregador de celular sem fio… Mais que o suficiente em um carro que é puro prazer ao volante. Mesmo fora de linha, o Honda Civic Si é a Compra do Ano 2021.

› VERSÕES

Si R$ 184.900 (não mais à venda zero-quilômetro)

› Potência 208 cv
› Porta-malas 334 litros
› Consumo B
› Versão indicada Vendido em versão única

AVALIAÇÃO COMPLETA DO HONDA CIVIC SI:
GALERIA DE FOTOS DO HONDA CIVIC SI:
CLIQUE AQUI PARA VER MAIS VENCEDORES DA COMPRA DO ANO 2021

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel