Compra do ano 2023: os melhores carros em 22 categorias

Testamos e analisamos todos os modelos zero-quilômetro à venda no Brasil para indicar a você os melhores para colocar na sua garagem

Compra do Ano

Desde 2014, a equipe da MOTOR SHOW se reúne para analisar todos os modelos à venda no Brasil e eleger a melhor compra em diferentes categorias. Então chegou a hora de revelar os vencedores da Compra do Ano 2023!

Nossas escolhas mesclam critérios objetivos, como preço, mecânica, tecnologia e equipamentos, a outros mais subjetivos, como design, dirigibilidade e prazer ao volante – resultados de nossa experiência com os carros em testes realizados e no uso cotidiano.

Com menos lançamentos, culpa da crise econômica e da pandemia, com a consequente crise de fornecimento de chips, adiamos esta oitava edição do prêmio: em vez de janeiro, chegamos em maio.

E agora expandimos o período de análise: concorreram os modelos que chegaram ao mercado em nova geração ou com modificações relevantes entre 1o de janeiro de 2019 e 31 de março de 2022.

+Avaliação: Jeep Renegade e-Hybrid é um híbrido bem diferente
+Carro Usado: Toyota Prius é híbrido de R$ 60 mil que faz até 30 km/l na cidade sem precisar de tomada
+Comparativo de elétricos: e-208 GT vs. Cooper SE vs. 500e vs. Zoe
+Nova Volkswagen Amarok terá multimídia com telona na vertical

A Compra do Ano mostra as melhores opções do mercado. Entre elas, Hyundai Creta, Ford Mustang Mach-1, Chevrolet S10, Peugeot e-208 e Volvo C40

Para concorrer à Compra do Ano, os carros precisam ter sido avaliados pela equipe da revista. Elegemos os campeões após discussões entre nossa equipe de especialistas, escolhendo-os de acordo com o que procura o consumidor de cada categoria.

Se nas categorias de entrada priorizamos custo-benefício, consumo e critérios mais racionais, em outras preferimos luxo, potência e prazer ao volante, por exemplo.

E, como o mercado automotivo está em constante mutação, seguindo tanto tendências globais quanto preferências locais, algumas categorias sempre precisam ser “ajustadas”.

Na edição passada, híbridos passaram a disputar diretamente com os modelos a combustão; agora, os elétricos ganharam espaço. Por serem muito mais caros e terem enormes diferenças conceituais e práticas, não concorrem com os demais modelos.

Mas, como a oferta se ampliou, não colocamos todos no mesmo balaio: separamos a categoria por valor (até R$ 300 mil, ou acima disso). Também criamos a categoria Esportivo Elétrico, já que os incrivelmente rápidos carros a bateria podem ganhar no 0-100 km/h daqueles a combustão, mas não têm aquele ronco (natural) do motor, as trocas de marcha e todo o prazer mais analógicos dos modelos tradicionais.

Essas novas categorias substituíram duas outras, que foram extintas devido ao desinteresse do consumidor.

Se na edição passada da Compra do Ano eliminamos a categoria Hatch Médio, na qual o Cruze Sport6 venceu sem concorrentes (e segue à venda8), este ano, com a aposentadoria do Honda Fit, eliminamos a categoria Monovolume, na qual resta apenas outro Chevrolet, o Spin.

Outra categoria que acabou por causa dos SUVs foi a Sedã Grande, que incluía os modelos de marcas generalistas – Honda Accord, Toyota Camry, Volkswagen Passat e Hyundai Azera estão “em falta” ou fora de linha. Mantivemos, assim, 22 premiados.

Já as picapes são divididas agora em Picape Média, que inclui apenas caminhonetes com cabine dupla e carroceria sobre chassi, e Picape Monobloco, na qual concorrem modelos de diferente portes, mas que têm em comum a construção de “carro normal”.

Entre os esportivos, concorrem aqueles com mais de 300 cv. Todos os modelos são analisados em toda a gama oferecida, das versões de entrada às topo de linha.

Neste ano, tivemos concentração um pouco menor de prêmios: as mais premiados foram Mercedes e Ford, com três prêmios cada, seguidas de Honda, Toyota, Audi, Fiat e Volvo, com dois vencedores cada, enquanto Renault, Hyundai, Porsche, Peugeot e Chevrolet conquistaram uma categoria. Vamos aos vencedores!

PS: preços do início de maio, com validade nacional (exceto SP)

A edição especial da MOTOR SHOW com todos os vencedores (e outras reportagens) já está nas bancas reais e virtuais.

Aqui no site, os vencedores serão divulgados aos poucos a partir de hoje. Serão listados abaixo conforme divulgados e estarão também em nossa homepage e aqui abaixo.

OS VENCEDORES DA COMPRA DO ANO 2023 (CLIQUE NO NOME DO CARRO PARA LER):

AVENTUREIRO: FIAT PULSE
CUSTO-BENEFÍCIO: FIAT ARGO TREKKING
ESPORTIVO: FORD MUSTANG MACH-1
CUPÊ-CONVERSÍVEL: PORSCHE 718
ELÉTRICO ATÉ R$ 300 MIL: PEUGEOT E-208 GT
ELÉTRICO ACIMA DE R$ 300 MIL: VOLVO C40
ESPORTIVO ELÉTRICO: AUDI RS E-TRON GT

 

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Carro Usado: Toyota Prius é híbrido de R$ 60 mil que faz até 30 km/l na cidade sem precisar de tomada
+ CNH: junho é o último mês para grupo renovar a habilitação; veja
+ Licenciamento de veículos: confira o calendário e como pagar em SP
+ Veja quais são os carros flex mais econômicos, segundo o Inmetro
+ CNH: novo limite de pontos vai completar 1 ano; entenda
+ Brasil oferece 70 modelos de veículos eletrificados; veja os mais vendidos
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ GP do Azerbaijão de F1: veja onde assistir a 8ª etapa do campeonato
+ Nem todo carro híbrido é igual: saiba as diferenças
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe