Conceito Volkswagen I.D foca na mobilidade urbana

Divulgação/Newspress

A Volkswagen afirma que o conceito I.D é mais revolucionário que o próprio Fusca. Aliás, a sua produção está prevista para 2020. De acordo com o fabricante, a meta do grupo VW é de vender um milhão de carros elétricos por ano até 2025.


Construído sobre a nova plataforma MEB, destinada aos modelos movidos a eletricidade, o I.D têm dimensões semelhantes ao do VW Golf. O propulsor entrega 170 Kw (equivalente a 170 cv de potência) e o conjunto de baterias oferece um alcance de até 600 km com uma carga – 80% são recarregados em 30 minutos plugado em tomadas de 240V.

O I.D não é só politicamente correto, como irá trazer tecnologias de carro semiautônomo. Futuramente, ele poderá dispensar completamente o motorista. Quando chegar ao mercado em 2020, o novo carro da Volks poderá dirigir sozinho dentro de alguns perímetros. Já o modo totalmente autônomo fica para 2025. Por isso, ele mostra na cabine o volante retrátil.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel