Conforme prometido

CAPTIVA 2.4 FWD R$ 86.990


Como noticiamos em nossa edição de janeiro, a Captiva Sport Ecotec, equipada com motor 2.4 de quatro cilindros está chegando às revendas Chevrolet em meados deste mês. Logo depois de a MOTOR SHOW chegar às bancas com o segredo revelado, a marca fez a apresentação oficial da nova versão, que traz, como grande atrativo, o preço de R$ 86.990. A alta valorização do dólar no final de 2008, que em meados de janeiro de 2009 girava ao redor dos R$ 2,30, é a justificativa para o preço um pouco acima do esperado, na ordem de R$ 82/83 mil. Como as versões V6 também tiveram seus preços revistos em função da nova taxa cambial, ainda assim a versão quatro cilindros custa cerca de R$ 10 mil a menos do que a versão V6 mais em conta. Além do preço menor, a Captiva Ecotec acena com um gasto de gasolina (ela ainda não é flex…) bem mais atraente que o da sua irmã mais potente, chegando a econômicos 10 km/l na cidade e 14,9 km/l na estrada, segundo as normas NBR 7024. Surpreendente para seu peso e porte.

De qualquer forma, pelo que o modelo oferece em equipamentos de série, seu preço é bastante atraente quando se observa o segmento de SUV’s. Na comparação com as japonesas – Honda CR-V, Toyota RAV- 4 e Nissan X-Trail – a Captiva, além de oferecer um pacote de equipamentos de série maior, com seis airbags, controle de estabilidade e tração, computador de bordo com controle até da pressão dos pneus, rodas de liga de 17″ e câmbio automático com opção sequencial, tem um preço cerca de R$ 2 mil mais barato que o do Honda CR-V LX (o mais barato dos japoneses) e aproximadamente R$ 25 mil mais em conta que o do Toyota RAV-4, o mais caro dentre os rivais citados. Quando o assunto é desempenho, a resposta fica sobre a maior potência e torque que a Captiva oferece em relação aos nipônicos: essas características se refletem positivamente na sua performance.

Nesse momento, surgem as coreanas, com preços tão ou mais atraentes que os da Captiva Ecotec. Graças a política agressiva de preços praticada por esses asiáticos, Hyundai Tucson e Kia Sportage, irmãs coreanas que dividem a plataforma e utilizam basicamente a mesma mecânica têm o preço de entrada ainda mais atraente que o da Captiva Ecotec. Um diferencial a ser considerado para quem busca valores e não se importa com o pacote de equipamentos. É que custando de R$ 7 mil a R$ 10 mil a mais, vale lembrar que quando equipamos as asiáticas com um pacote de acessórios igual ao da Captiva, os preços se assemelham ou ultrapassam o da SUV da Chevrolet. A decisão, então, fica por conta do design e da paixão que cada uma delas desperta no consumidor.

Esse motor Ecotec é o que a marca produz de mais moderno pelo mundo. Com cilindradas variando de 2,0 até 2,4 litros, é todo confeccionado em alumínio, tem cabeçote de 16V com duplo comando (ambos com variador de fase), coletor de admissão de comprimento variável, eixos contrarrotativos que eliminam vibrações e ainda é compacto, leve e econômico. Em breve a unidade deverá equipar o novo Malibu que chega nos próximos meses e os novos Chevrolet que chegam até o final de 2011.