Conheça a gangue que tapa-buracos em Roma

Grupo de ativistas se especializou em ações ilegais para solucionar os problemas de infraestrutura da capital italiana

Reprodução

Cansados de encontrar buracos nas ruas e equipamentos públicos quebrados, um grupo de moradores de Roma (Itália) decidiu se unir e formar uma gangue especializada em reparar os problemas da cidade, aponta uma reportagem publicada pelo jornal britânico The Guardian.

Com o nome de GAP (sigla em italiano para Grupo de Artesãos Serviços de Emergência), o grupo e formado por 20 ativistas, que se inspiraram nas técnicas dos grupos guerrilheiros dos tempos da Segunda Guerra Mundial. Após identificar o alvo, o grupo “ataca” o problema geralmente durante a noite ou nas primeiras horas da manhã, deixando sempre a sua marca no local do reparo.

Apesar das boas ações, os membros do grupo temem revelar a sua identidade, já que algumas vezes eles precisam burlar as leis para atingir o seu objetivo. Além de tapar os buracos nas ruas, os ativistas já pintaram ilegalmente uma faixa de pedestres em um cruzamento movimentado e invadiram uma escola para reparar uma fonte de água quebrada.