DeLorean DMC-12 voltará a ser produzido

De fracasso de vendas a ícone da cultura pop, o DeLorean DMC-12 irá voltar à linha de produção. Famoso como a máquina do tempo da trilogia ‘De Volta para o Futuro’, o cupê será produzida graças à iniciativa da americana DeLorean Motor Company.

Fundada em 1995, no Texas (EUA), a firma (que não tem relação alguma com a montadora e que chegou inclusive a ser processada pelo uso indevido da marca pela viúva de John DeLorean) se especializou na manutenção dos DeLorean originais utilizando peças do antigo estoque do fabricante.

O nível de capacitação chegou a tal ponto que os técnicos da oficina seriam capazes de reconstruir um carro do zero (e eles já tinham planos para isso)… não fosse a lei americana que até o ano passado impedia a fabricação de um pequeno número de réplicas artesanais.

Em entrevista a uma rádio dos Estados Unidos, o dono da DeLorean, Stephen Wynne, destacou que a mudança na legislação permitiu a empresa retomar os planos de fabricação do cupê. Segundo ele, o estoque de peças permite a montagem de 300 unidades, que deverão custar menos de US$ 100 mil (cerca de R$ 410 mil) e serão oferecidos com uma gama de motores diferente do original, que saia de fábrica apenas com a opção do propulsor PRV 2.8 V6 de apenas 130 cv.

Prejudicado por contratempos que foram da fase de projetos até a produção, o DMC-12 original teve menos de 9 mil unidades produzidas entre 1981 e 1983.

Veja também

+ A biblioteca básica do motociclista cool

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar