Desafio ao rei

Um carro muito diferente, sem dúvida. A maior distância entre-eixos, as bitolas mais largas, a menor altura e o conjunto mais leve mudaram completamente o Cayman. Essa terceira geração do Porsche tem uma personalidade forte e uma fisionomia muito mais marcante que a anterior. A dianteira, caracterizada pelas grandes entradas de ar laterais, ficou invocada. A lateral, por outro lado, é equilibrada e segue em um desenho fluido, com destaque para as belas rodas de 19 polegadas, até uma traseira elegante e imponente, com escape duplo centralizado.

Há novidades também no interior. Um grande túnel central, inclinado em direção ao piloto, reúne os comandos secundários. A posição de dirigir beira a perfeição: volante pequeno e vertical, borboletas para trocas de marcha, pedaleira bem alinhada, visibilidade excelente e um banco que parece ter sido feito sob medida.

Na estrada, o Cayman mostra logo de cara um grande caráter. O boxer de 3,4 litros e 325 cv está pronto e disponível já em baixos regimes, e fica ainda melhor nos altos. A potência máxima chega aos 7.400 giros. Uma bravura acompanhada de uma sonoridade surpreendente. A rigidez e o equilíbrio também são notáveis. O esterço, rápido e preciso, permite ao piloto saber com exatidão o que acontece com as rodas. Em curvas, é um carro muito veloz. A entrada é rápida, quase sem subesterço – o que permite aos quatro pneus trabalharem sempre no máximo da capacidade. Na saída, deve-se controlar apenas uma leve escapada da traseira. No limite, é um carro que exige precisão e habilidade, mas que paga seu empenho com grande emoção e divertimento.

Para quem ainda torce o nariz para esportivos sem o pedal de embreagem, é bom lembrar que o câmbio PDK de sete marchas faz trocas com uma rapidez impensável para qualquer ser humano. E para quem quer realmente andar forte, mais do que apenas se divertir com punta-tacos, é um opcional recomendado. Aqui, ele é comercializado como item do Pacote Brasil, que reúne as borboletas no volante e as rodas aro 20. O preço do modelo começa em R$ 319 mil, com motor 2,7 litros de 275 cv. Mas a versão S, avaliada, parte de R$ 399 mil. Com todas essas mudanças, do Cayman anterior restou apenas uma lembrança. E com seu preço convidativo, é uma ameaça até mesmo dentro de casa. Sua Majestade 911 Carrera, depois não diga que não o avisamos.

COMPARTILHAR
Notícia anteriorFilha do vento
Próxima notíciaPimenta a preço de banana