Eis a nova geração do BMW X1, que será feita no Brasil

A segunda geração do BMW X1 trouxe um visual repaginado e passa a ser construído sobre a plataforma ULK1 – a mesma da minivan 225i Active Tourer (o primeiro carro da história da BMW com tração dianteira). O novo X1, que é categorizado pela BMW como um SAV (Sport Active Vehicle) ficou 53 mm mais alto e o espaço para as pernas dos ocupantes traseiros aumentou em 37 mm. Já o porta-malas passou de 420 litros para 505 litros. Maior e mais seguro, o X1 recebeu importantes itens, como head-up display (HUD), que projeta no para-brisa as principais informações, controlador de velocidade adaptativo, alerta de mudança involuntária de faixa, faróis de LED, aviso de colusão eminente e de pedestres com função de parada automática.

O BMW X1 também estréia uma nova gama de motores: dois a gasolina e três movidos a diesel. As potências variam de 152 cv a 234 cv. A transmissão é automática Steptronic de oito marchas. A tração pode ser dianteira, pela primeira vez na história, ou nas quatro rodas. Na Europa e nos EUA, o X1 desembarca no próximo mês de outubro. Já no Brasil, a sua produção foi confirmada na fábrica de Araquari (SC) a partir de 2016.

A coletiva de imprensa da marca, primeira do dia, acabou não sendo realizada: o CEO da marca passou mal no início da apresentação e tudo foi cancelado.

 

blog comments powered by Disqus