Embora honesto, faltam atrativos

Acima, o painel com CD player, ar-condicionado e outros opcionais. Mostradores de fundo claro são exclusivos de pacotes mais completos


A fama dos sedãs sempre gira em torno do uso familiar. Ainda mais quando se trata de um veículo sem muitos apelos esportivos nem no visual e muito menos no desempenho. Dentro desse nicho, o Fiesta Sedan 1.6 se encaixa bem. Espaço interno generoso, desempenho na dose certa e um bom porta-malas, de 491 litros, são suas principais qualidades. O design também não desagrada. A traseira é bem resolvida, diferentemente de muitos outros modelos que, derivados de belos hatches, fizeram os consumidores torcere o nariz para o design de suas traseiras quando nas versões três volumes.

Mas isso não foi suficiente para fazer dele um sucesso de vendas. De acordo a Fenabrave, em abril foram vendidas 3.259 unidades, quantia tímida, se comparada ao líder Corsa Sedan (mais Classic), que no mesmo período teve 12.189 unidades emplacadas, ou ao vice-líder Siena, com 9.556 unidades.

E, para tristeza maior da Ford, a categoria à qual pertence o Fiesta Sedan vai ganhar ainda este ano novos lançamentos. É o caso da versão três volumes do novo Peugeot 207, que será apresentado para nosso mercado antes do Salão do Automóvel deste ano, e do lançamento do sedã da família Gol, o novo Voyage.

Em todo caso, o Fiesta Sedan até que cumpre bem a proposta de carro familiar. Sua dirigibilidade passa segurança, com boa estabilidade. O principal ponto negativo está mesmo no acabamento do seu interior, que é constituído quase por inteiro de peças plásticas. Isso acaba gerando vários ruídos internos que, com o passar do tempo, vão ficando ainda mais incômodos. Se este sedã te agrada mais do qualquer um da categoria, por R$ 48.930 você leva a versão avaliada, com ar-condicionado, direção hidráulica, trio elétrico, rodas de liga-leve e mais alguns itens de conforto. Um tanto salgado, mas completo.

FORD FIESTA 1.6 R$ 48.930

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

COMPARTILHAR
Notícia anteriorEngatou a sexta
Próxima notíciaPoderia oferecer mais