Espécie em extinção

Fotos: Roberto Assunção

Gosto de SUVs, mas nem sempre os recomendo. Costumo viajar para as montanhas, curto dirigir em estradas de terra. Quando chove e ca tudo enlameado, é até mais divertido. O bom vão livre do solo e a tração 4×4 garantem a superação dos obstáculos. Mas não é por isso que a maioria das pessoas compra SUVs. Elas compram pela posição de dirigir alta, pelo espaço, pela versatilidade e pelo visual. E aí andam só no asfalto. Parecem se esquecer de que há peruas como essa Volvo V60. Com exceção da posição de guiar e do visual aventureiro, têm tudo que os SUVs oferecem – e custam menos, gastam menos, e fazem curvas melhor. Apesar disso, vendem bem menos.


Uma semana de V60 faria muitos compradores de SUVs mudarem de ideia. Confesso que quase mudei. É tentador. E nem precisa vir nessa versão T6 R-Design, com 306 cv e tração integral, de R$  209.950. A T5, por R$ 159.950, tem 240 cv e o mesmo visual. Nenhuma serve para o off-road – é difícil imaginar essas rodas em buracos, e as suspensões, rmes, são para o asfalto.

Pena que optando pela versão mais barata há que se abrir mão, além da tração integral e de alguns itens de conforto e conveniência, de boa parte do pacote de segurança – para mim um caso de ódio e amor, nessa ordem. Afinal, essa V60 é uma perua bem mandona. Lê placas de trânsito e as registra no painel para você não esquecer; tem piloto automático que acelera e freia, seguindo o uxo do trânsito; reclama quando você muda de faixa sem dar seta; avisa sobre risco de colisão quando se aproxima rapidamente do carro adiante; e até para o carro sozinho se “enxergar” um pedestre ou bicicleta adiante (só faltou o alerta de ponto cego e o estacionamento automático).

No começo, essas interferências me irritaram. Ela me dizia o tempo todo o que fazer, como e quando. “Essa perua acha que está no controle. Quem é que manda, a nal?”, pensei. Depois de alguns dias, o ódio virou amor. A V60 passou de irritante a reconfortante. Senti que olhava por mim, cuidava de mim. Protegia-me das ameaças do trânsito. Ali dentro, o mundo parecia mais seguro. Se eu a compraria? Certamente. Mas só depois de já ter um SUV para encarar as estradas de terra.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel