Este é o interior da nova Ford Ranger Flex

Durante o lançamento da linha 2017 da Ranger, a Ford divulgou apenas as imagens internas da versão de topo Limited 3.2 Diesel AT. Mas agora você conhece como é o interior da versão XLT Flex, equipada com o motor 2.5 de 168/173 cv e tração apenas nas rodas traseiras e que sai por R$ 109.500.

A diferença de R$ 70.400 para a Ranger mais cara é menos evidente do que se imagina. A central multimídia Sync com tela de oito polegadas está lá, assim como o ar-condicionado automático digital bizone e o painel com telas configuráveis. A diferença está na ausência do câmbio automático (exclusivo das diesel) e do pacote de equipamentos tecnológicos como o piloto automático adaptativo e o assistente de permanência em faixa.

Além da versão XLT, o comprador pode optar pela versão XLS, que por R$ 99.500 traz o mesmo conjunto mecânico e uma lista de equipamentos composta por sete airbags, central multimídia com tela de 4,2 polegadas, ar-condicionado e rodas de liga leve de 17 polegadas. (Confira aqui a lista completa de versões e equipamentos).

Veja também

+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar