Evoque vira inspiração para outro clone chines

Depois do Fusca e do BMW i3, outro fabricante chinês de carros elétricos decidiu se inspirar nos veículos ocidentais para deixar os seus produtos mais atraentes para o consumidor. A vítima da vez é o Range Rover Evoque.

De acordo com as imagens do site Car News China, apesar da carroceria bem menor —condizente com a proposta de um minicarro urbano —, o compacto Yuelang X1 teve a grade dianteira do utilitário britânico transplantada para a sua dianteira. A mesma fonte de inspiração foi utilizada no desenho dos faróis e lanternas.  Para completar, o logotipo ‘Range’ decora o capo. Outro detalhe interessante está nas rodas, que inexplicavelmente levam o logotipo da BMW.

Assim como nos outros clones, o mini Evoque tem um motor elétrico de apenas 4 cv, que permite uma velocidade máxima de 50 km/h e uma autonomia de 120 km.