F1: mesmo com dores, Hamilton diz que estará no GP do Canadá

O piloto inglês sofreu com as quicadas do carro na última corrida

0
4
Foto: Divulgação/F1

Após terminar o Grande Prêmio do Azerbaijão de Fórmula 1 com fortes dores nas costas, no último domingo, Lewis Hamilton afirmou que está em recuperação e garante que vai pilotar no próximo fim de semana no GP do Canadá.

O piloto inglês, que terminou a corrida em 4º lugar, sofreu com as quicadas do carro – o famoso porpoising que afeta a equipe e principalmente o heptacmapeão ao longo da temporada.

+ Max Verstappen ganha o GP do Azerbaijão de Fórmula 1
+ Hamilton: Câmara concede título de cidadão honorário do Brasil ao piloto
+ Vídeo: Fórmula 1 exibe visão dos pilotos durante a chuva em Mônaco
+ Fórmula 1: Mick Schumacher bate forte e carro parte ao meio; assista
+ ‘No capricho, no capricho!’: Sérgio Maurício conta os bastidores do sucesso da Fórmula 1 na Band


Em um post no Twitter, Lewis agradeceu o apoio dos fãs e confirmou presença. “Mesmo quando é doloroso, ainda nos levantamos. Obrigado pelo carinho, até a próxima semana”.

Assista abaixo o momento em que o piloto saiu do carro após a corrida:

Equipe pondera

No entanto, segundo divulgado pela Band, Toto Wolff, chefe da equipe Mercedes, afirmou que a situação será avaliada e Hamilton pode ser até mesmo ser poupado para Montreal.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Ferrari pede ressarcimento de R$ 50 mil a salão de beleza no Brasil
+ Avaliação: Audi A3 Sedan Performance Black agrada pelo motor e pelas suspensões
+ Avaliação: Jeep Renegade e-Hybrid é um híbrido bem diferente (e você vai poder comprar)
+ Licenciamento de veículos em SP poderá ser pago em até 12x; veja como
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe
+ Comparativo de SUVs: Jeep Compass vs. VW Taos e Toyota Corolla Cross
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ Nissan Skyline GT-R V-Spec II guiado por Paul Walker está à venda
+ Encontro de carros antigos: Campo de Marte recebe 1.500 automóveis
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Avaliação: Honda City 2022 quer ser novo Civic, mas não é
+ Veja qual é o significado dos códigos de erro nos painéis dos Chevrolet