Fim de linha para o Falcon, o último sedã Ford V8 do planeta

0
6031

Em tempos de downsizing, o sedã grande Ford Falcon, produzido apenas pela filial australiana, era o último sedã da marca com opção de motor V8. E essa história se encerrou nesta sexta-feira (7), com a produção do último exemplar do modelo na fábrica de Broadmeadows. O último Falcon marca também o fim da produção dos carros da Ford no país oceânico.

A partir de agora, todos os Ford vendidos na Austrália serão importados. Apesar do encerramento da produção, a montadora irá manter no país um departamento de engenharia, que a partir de agora vai colaborar no desenvolvimento dos carros globais da Ford.

O primeiro modelo da Ford Austrália foi o T, cuja produção teve início em 1925. Lançado em 1960 no país, o Ford Falcon australiano inicialmente era idêntico ao carro produzido nos Estados Unidos. Desde a segunda geração, porém, o Falcon se desenvolveu de maneira independente, com direito até a uma variação cupê (quem não se lembra do V8 Interceptor, do filme Mad Max?).


A última geração do Falcon foi a sétima, lançada em 2008 e cujo motor mais potente era o 5.0 V8 de 455 cv da versão XR8. Em tempo: o último Falcon, na cor Azul Kinect, é da versão XR6, equipada com um motor 4.0 de seis cilindros em linha de 270 cv.