Ford Mustang-E GT quebra barreira dos quatro segundos

O Ford Mustang-E GT é a variante mais potente do SUV elétrico. Ele chegará às concessionárias europeias no final de 2021 oferecendo 465 cv e 84,6 kgfm

0
248
Ford Mustang-E GT
Foto: Divulgação

A Ford anunciou o lançamento do Mustang Mach-E GT, variante mais potente do SUV elétrico, que chegará às concessionárias europeias no final do próximo ano. Equipado com dois motores movidos a eletricidade e tração nas quatro rodas, a novidade despeja 465 cv de potência e torque bruto de 84,6 kgfm.

De acordo com o fabricante, o utilitário esportivo acelera de 0 a 100 km/h em 3,7 segundos e crava 200 km/h de velocidade máxima. As suspensões são adaptativas MagneRide, enquanto as rodas de 20″ deixam aparentes as pinças de freio pintadas de vermelho.


Por dentro, alguns destaques da cabine aparecem no multimídia SYNC com tela de 15,5″, nos bancos esportivos Ford Performance e no volante revestido de camurça.

+ Chevrolet Onix e Onix Plus ganham multimídia maior
+ Nova Fiat Strada Opening Edition tem divisor de carga na caçamba, engate e muito mais
+ Honda apresenta seu primeiro SUV elétrico em Pequim
+ Avaliação: Fiat Strada Cabine Plus erra no nome, mas acerta na fórmula

Autonomia

O Ford Mustang-E GT é alimentado por uma bateria de 88 kWh, capaz de proporcionar uma autonomia de até 500 km, de acordo com ciclo WLTP (Worldwide Harmonized Light-Duty Vehicles Test Procedure).

Só para comparar, o Mustang-E standart, com bateria de longo alcance e tração nas quatro rodas, oferece uma autonomia de 540 km (610 km na versão com tração traseira) e vai de 0 a 100 km/h em 5,1 segundos.