Fusca de única dona é restaurado de graça pela VW

O Fusca modelo 1967 rodou mais de 560 mil quilômetros antes de ser completamente refeito pelos técnicos da montadora alemã

O Fusca restaurado (Divulgação)

A Volkswagen restaurou completamente — e de graça — um Fusca 1967 que já rodou mais de 560 mil quilômetros com a sua primeira e única dona.

Hoje com 73 anos, a americana Kathleen Brooks comprou o Fusca (que recebeu o nome de ‘Annie’) em dezembro de 1966 e desde então usava o carro diariamente. Kathleen, que superou o câncer três vezes e atualmente trabalha com pacientes com câncer de mama, diz que ‘Annie’ teve uma grande importância durante essas cinco décadas de convivência.

“Eu e ela somos muito parecidas. Ela está velha, cansada, amassada e enferrujada. Mas você sabe de uma coisa? Ela continua rodando. E enquanto eu cuidar dela da melhor maneira que eu puder, ela vai continuar rodando”, afirmou Kathleen antes da restauração.

A restauração do besouro ficou à cargo do pessoal da fábrica de Puebla (México), onde em 2003 foi produzida a última unidade do Fusca original. Além de voltar ao estado de zero quilômetro, ‘Annie’ ganhou uma série de modificações, como o motor com injeção eletrônica, freios a disco, um rádio retrô com bluetooth e um interior forrado totalmente em couro. De acordo com a Volkswagen, após um trabalho que se estendeu por 11 meses, o Fusca de Kathleen teve 40% das suas peças substituídas e 357 itens originais restaurados (incluindo os adesivos que foram colocados na lataria e nos vidros em 51 anos de estrada).

 

 

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel