GM inaugura fábrica modelo para carros elétricos

A instalação está localizada na antiga fábrica de montagem de Detroit-Hamtramck

0
62
Foto: Divulgação

Nesta quarta-feira (17), a General Motors inaugurou uma fábrica de carros elétricos nos Estados Unidos chamada de “Factory Zero”.

A instalação está localizada na antiga fábrica de montagem de Detroit-Hamtramck, menos de dois anos depois que a GM anunciou o investimento de US$ 2,2 bilhões para renovação da planta.

+ Avaliação: Chevrolet Onix Premier é conectado e bom de guiar, mas já passa de R$ 100 mil
+ Chevrolet Cruze RS aparece em fase final de testes no Brasil
+ S10: Chevrolet lança versão mais agressiva da picape no Brasil, a Z71


Entre os modelos que serão produzidos neste local estão a picape GMC Hummer EV 2022, o GMC Hummer EV SUV 2024, a Chevrolet Silverado EV e o Cruise Origin, além de outros que ainda serão anunciados.

Plataforma Ultium

Todos os EVs da Factory Zero serão produzidos com a plataforma Ultium da GM, que engloba a arquitetura veicular e componentes de propulsão como células de bateria, módulos, packs, unidades de acionamento, motores EV e eletrônica de potência integrada.

Economia para a GM

Segundo a GM, serão economizados até US$ 15 bilhões em custos de capital até 2030 por meio da renovação das instalações de manufatura existentes em comparação à construção do zero. O número cresce para US$ 20 bilhões a 30 bilhões na transição de 100% das fábricas da GM nos EUA para apoiar a produção de EV.

“Para atender à nossa ambiciosa transição para os EVs, a capacidade de montagem de veículos elétricos da GM na América do Norte chegará a 20% em 2025 e, em seguida, 50% em 2030”, disse Gerald Johnson, vice-presidente executivo de Manufatura e Sustentabilidade Global da GM, em nota divulgada.

E completa: “a Factory Zero serve como um modelo para as transições que ocorrerão em outras fábricas ao redor do mundo nos próximos anos”.

A GM estima que 80% do processo de montagem de um EV é igual ao dos veículos a combustão.

A Factory Zero inclui também:

-Reutilização ou reciclagem de quase todos os materiais que saíram da instalação durante a reforma, incluindo concreto triturado do antigo chão da fábrica, que foi reaproveitado para estradas temporárias ao redor do local.

-A água da chuva será reciclada para reduzir os custos de descarte e compensar o custo da água potável.

-Água pluvial tratada será usada em torres de resfriamento e no sistema de supressão de incêndio da fábrica.

-O local possui um estacionamento solar de 30 quilowatts e um painel solar fotovoltaico no solo de 516 kW da DTE Energy.

-O local da Factory ZERO tem um habitat de vida selvagem de 16,5 acres que abriga raposas e perus, entre outras espécies.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Cinco dias, 126 km e só dois litros de gasolina: Volvo S60 Recharge mostra que híbrido plug-in é o carro ideal
+ Carro voador do Senna: empresas desenvolvem conceito
+ IPVA zero para motos até 150 cc é aprovado em Comissão
+ Elétricos podem gerar 70% mais emissões que modelos a combustão; entenda
+ Honda lança CB Twister 2022; confira os preços
+ Motorista sem limites: PRF apreende moto com 150 multas
+ Leilão oferece de Caravan Comodoro (1985) a Classe E (1992)
+ Conversão de carros para gás (GNV) aumenta 102% em SP; veja o passo a passo
+ Polo, Virtus, Nivus e T‑Cross ganham mais equipamentos; veja