Infrações por alcoolemia em São Paulo aumentam 13%, diz Detran

O motorista que recusar o bafômetro ou for flagrado dirigindo sob influência de álcool recebe multa de R$ 2.934,70

0
2
Foto: Divulgação/Detran.SP

O Departamento Estadual de Trânsito do Estado de São Paulo (Detran.SP) divulgou um levantamento que aponta um aumento de 13% nas infrações por alcoolemia (presença de álcool etílico na circulação sanguínea).

Os indivíduos foram flagrados durante as blitze da Operação Direção Segura Integrada (ODSI) em maio. Foram 585 autuações aplicadas no mês passado, contra 515 em abril.

Desse total, 478 foram registradas para motoristas que se recusaram a fazer o teste do etilômetro (bafômetro), 89 para condutores flagrados dirigindo sob influência de álcool, e 18 por embriaguez ao volante, pois apresentaram mais de 0,34% miligramas de álcool por litro de ar expelido.


+ IPVA SP: 5ª parcela vence em junho; confira as datas
+ Licenciamento de veículos: confira o calendário e como pagar em SP
+ CNH: junho é o último mês para grupo renovar a habilitação; veja
+ Nova CNH começa a valer a partir de junho; confira o que mudou
+ IPVA SP para PCD: saiba como verificar a situação e pedir isenção

Multa

Nas duas primeiras situações, o valor da multa é de R$ 2.934,70 e os motoristas responderão a processo de suspensão da carteira de habilitação.

Em caso de reincidência, no período de 12 meses, a pena será aplicada em dobro, ou seja, R$ 5.869,40, além da cassação da CNH.

Vale lembrar que tanto dirigir sob a influência de álcool quanto recusar-se a soprar o bafômetro são consideradas infrações gravíssimas, de acordo com os artigos 165 e 165-A do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Já nas ocorrências de embriaguez ao volante, os condutores responderão na Justiça por crime de trânsito. Se condenados, poderão cumprir de seis meses a três anos de prisão, conforme prevê a Lei Seca, também conhecida como “tolerância zero”.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Peugeot registra seu maior número de vendas em 8 anos
+ Licenciamento de veículos em SP poderá ser pago em até 12x; veja como
+ Comparativo de SUVs: Jeep Compass vs. VW Taos e Toyota Corolla Cross
+ Avaliação: Jeep Renegade e-Hybrid é um híbrido bem diferente (e você vai poder comprar)
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Band renova contrato de transmissão da Fórmula 1 até 2025
+ Carros elétricos: Shell ganha 1º eletroposto de recarga rápida no Brasil
+ Ferrari pede ressarcimento de R$ 50 mil a salão de beleza no Brasil
+ Rodízio de veículos em SP está suspenso nesta terça-feira (14); entenda
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ Comparativo: Renault Captur 1.3 vs. Chevrolet Tracker 1.2
+ Lightyear 0: carro elétrico e solar pode ficar longo período sem carregar