Jaguar oferece C-Type clássico em edição limitada; conheça

O modelo foi inspirado no C-Type de 1952

0
8
Foto: Divulgação

A Jaguar concluiu a construção do primeiro Jaguar C-Type Continuation. A produção, que é limitada, ocorre pela equipe da Jaguar Classic Works, divisão para os entusiastas de clássicos, em Coventry, no Reino Unido.

O primeiro Continuation ganhou uma pintura Pastel Green com assentos em couro verde camurça.

História


O automóvel é inspirado no C-Type original da Jaguar, que venceu a corrida de carros esportivos de 224 milhas e 50 voltas no Reims Grand Prix Meeting em 29 de junho de 1952.

+ Deus salve a rainha e o Jaguar E-Type: modelo de 1965 estreia no Jubileu
+ Jaguar F-Pace SVR recebe a série Edition 1988
+ Jaguar revela novo I-Type para a Fórmula E

Este veículo foi o primeiro C-Type equipado com freios a disco para vencer na competição internacional. Foi depois que o piloto Stirling Moss convenceu a Jaguar a implementar a tecnologia pioneira que tinha desenvolvido.

A vitória em Reims foi um vislumbre do domínio do C-Type nas 24 Horas de Le Mans do ano seguinte.

Foto: Divulgação

“Combinamos desenhos originais, técnicas CAD modernas e 3.000 horas de habilidade e dedicação para produzir nosso primeiro C-Type construído à mão, marcando um momento histórico para a Jaguar Classic”, explica David Foster, chefe de engenharia da Jaguar Land Rover Classic, em nota divulgada.

E completa: “nossos exclusivos C-Type Continuation apresentam as inovações técnicas e especificações do último carro vencedor do Le Mans de 1953, incluindo o inovador conjunto de freios a disco Dunlop que foi vitorioso em Reims em 1952. Cada carro oferece uma autêntica experiência de direção para os clientes, começando até mesmo pelo procedimento de partida distinto do veículo, que nossa equipe estava determinada a realizar com exatidão”, finaliza Foster.

Foto: Divulgação

Desenvolvimento

A Jaguar ressalta que, com a modelagem CAD avançada, cada um destes carros é trabalhado usando os mesmos métodos e técnicas de construção para garantir que os veículos da edição especial Continuation honrem a linhagem do C-Type original.

Os modelos passam por pelo menos 250 milhas de testes físicos, feitos por engenheiros da Jaguar Classic, seguindo um processo de construção que requer 3.000 horas de trabalho.

Os clientes podem escolher entre 12 cores, incluindo tons como Pastel Green, British Racing Green Pastel Blue com contornos, bem como selecionar a especificação do interior, a partir de uma gama de oito tonalidades de couro.

Os modelos Continuation são aprovados pela FIA e podem participar de todos os eventos históricos da entidade, incluindo o Jaguar Classic Challenge, que acontece em uma série de pistas de corrida diferentes, como Le Mans e Silverstone.

A série limitada de Continuation do C-Type já está disponível para venda no Reino Unido.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Piquet se desculpa após repercussão de fala racista sobre Hamilton
+ Rodízio de veículos em SP está suspenso nesta quarta-feira (29)
+ GP da Inglaterra: veja os horários e onde assistir a corrida em Silverstone
+ Piquet chama Hamilton de ‘neguinho’ e é repudiado por Mercedes e F1
+ Licenciamento: veja o calendário completo e como pagar em SP
+ BMW elege os 10 carros mais icônicos da divisão M; veja a lista
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ Creta 2023 recebe comando de voz para o teto solar; veja os preços
+ Avaliação: Fiat Toro Volcano T270 reúne atributos de SUV ao volante
+ Novo Fusca mescla linhas do passado e itens futuro por R$ 3 milhões
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe