Jeep Commander chega em duas versões com motor diesel e muito luxo

Commander chega em quatro confgurações com motor flex e diesel com bom recheio e preço competitivo

0
721
Jeep Commander
Foto: Divulgação

A Jeep finalmente revelou todos os detalhes do Commander, seu novo SUV de topo. O modelo é produzido na fábrica da marca em Goiana (PE), junto dos Compass e Renegade, bem como da picape Fiat Toro. A gama é enxuta, com apenas duas versões, Limited e Overland, ambas combinadas com motor 1.3 turbo flex ou 2.0 turbo diesel.

A gama começa na Limited flex, que parte de competitivos R$ 199.990 e traz itens como painel virtual de 10,25″, faróis de LED, rodas de 18″, porta-malas com abertura elétrica e ar-condicionado de duas zonas. O motor é o 1.3 turbo de 185 cv e 27,5 kgfm de torque. As versões flex têm tração dianteira e câmbio automático de seis marchas.


+ Confira as versões e os preços do Jeep Commander

Foto: Divulgação

Há ainda a Limited diesel, com o mesmo conteúdo, acrescido de rodas de 19 polegadas, teto solar elétrico, sistema de som com alto falantes da Harman Kardon e ajuste elétrico também do banco do passageiro. O motor é o 2.0 turbo diesel de 170 cv usado em Compass e Renegade, mas o torque foi elevado para 38,7 kgfm. O câmbio é automátco de nove marchas e a tabela passa a R$ 259.990.

As versões Overland são novidade na gama nacional da Jeep e formam o topo da gama. Com motor 1.3 turbo flex, a tabela é de R$ 219.990 e trazem rodas exclusivas, também de 19″, revestimento interno de couro e suede marrom, teto solar de série e carregador sem fio para smartphones.

Foto: Divulgação

Com motor diesel, o mais caro dos Commander vai a R$ 279.990. Há também controle de cruzeiro adaptativo e monitores de ponto cego e faixa de rolamento.

Interior refinado

Novidade na central multimídia é a presença da assistente pessoal Alexa, da Amazon, nativa no sistema. O usuário pode conectar sua conta e usar as funcionalidades da assistente diretamente do carro.

Foto: Divulgação

Espaçoso, o utilitário tem 661 litros de porta-malas com a terceira fileira de bancos rebatida. Com todos os assentos, a capacidade fica em 233 litros.

Segundo a Jeep, as primeiras 500 unidades vendidas na pré-venda serão faturadas até 31 de outubro, sendo entregues em seguida. As demais começarão a chegar às concessionárias em novembro.