Jeep Commander nacional tem linhas reveladas

Novo Jeep de sete lugares será produzido em Goiana (PE) com motor 2.0 diesel e 1.3 turbo flex de 185 cv

0
983
jeep commander
Commander tem visual semelhante ao Compass Jeep/Divulgação

A Jeep enfim revelou por completo o visual do novo Commander, o terceiro modelo da fabricante a ser produzido nas instalações de Goiana (PE). O Commander se junta aos Jeep Renegade e Compass, e à picape Fiat Toro, também feitos na fábrica pernambucana.

O SUV é o maior produzido por lá, com visual imponente, sete lugares e traços já vistos principalmente na última mudança do Compass. O Commander também vai inaugurar novas nomenclaturas de versões, explicitada pela versão de topo Overland mostrada no último vídeo que a marca divulgou.


commander
Jeep/Divulgação

Ao menos a versão mais cara parece bem equipada, com faróis e lanternas de LED, rodas grandes e pintura de dois tons. A cabine lembra muito a do Compass, com os mesmos painel virtual de 10,25″, volante e central multimídia.

+ Veja 5 variações do Jeep Willys CJ-5 que nunca tivemos no Brasil
+ Comparativo de SUVs: Jeep Compass vs. VW Taos e Toyota Corolla Cross
+ Avaliação: Jeep Renegade Moab é diesel com preço de flex. Vale a pena?
+ Avaliação: já aceleramos o incrível Jeep Renegade híbrido 4xe, que faz 45 km/l (mas será viável no Brasil?)

Há revestimento de couro marrom e camurça em painel e bancos, com direito a inscrições gravadas em alusão à história da Jeep. A apresentação completa do modelo será feita no próximo dia 26 de agosto.

commander
Jeep/Divulgação

Sob o capô, o Commander terá o 2.0 turbo diesel de 170 cv de Renegade, Compass e Toro. O torque, no entanto deverá ser maior que os atuais 35,7 kgfm dos modelos já conhecidos. Haverá também versões cmo motor 1.3 turbo flex, com 185 cv e 27,5 kgfm. O câmbio é sempre automático e a versão diesel traz sempre tração integral.