Jeep Renegade é o 1º nacional a gabaritar em teste de colisão

Latin NCAP

Em nova bateria de testes de colisão do Programa de Avaliação de Veículos Novos para América Latina e o Caribe (Latin NCAP), o Jeep Renegade produzido no Brasil atingiu a pontuação máxima de cinco estrelas na proteção de adultos e crianças. Com o resultado, o modelo produzido em Goiana (PE) foi o primeiro a obter a pontuação máxima na avaliação.

Mesmo sendo um exemplar da versão de entrada do SUV compacto, equipado apenas com os airbags dianteiros, a estrutura do veículo e os sistemas de segurança garantiram uma boa proteção dos passageiros nos impactos frontal e lateral, sem riscos de ferimentos críticos para o peito e joelhos dos ocupantes.

Equipado com sistema de fixação Isofix para cadeirinhas infantis, os assentos recomendados pelo fabricante conseguiram evitar a movimentação excessiva para frente dos bonecos utilizados na avaliação, que simularam crianças com um e três anos de idade.

OUTROS RESULTADOS

Nesta etapa de testes, o Fiat Palio foi testado novamente e obteve uma pontuação de quatro estrelas para adultos e três para crianças. Avanço de uma estrela em relação ao teste realizado no ano passado. Além da adoção de um sistema de lembrete do uso do cinto para o motorista, outro fator que contribuiu para o resultado foi a melhora nas instruções de instalação de assentos infantis no manual do proprietário.

A decepção da vez foi a nova geração do compacto chinês Chery QQ, que zerou na avaliação. De acordo com o Latin NCAP, a estrutura do modelo foi qualificada como instável, permitindo que o motorista sofresse graves ferimentos no peito e na cabeça. Diferente do modelo vendido por aqui, o exemplar testado não estava equipado com airbags.

Confira no vídeo abaixo o crash test dos três modelos: