Licenciamento anual obrigatório de veículos começa amanhã (1º) em SP

O valor da taxa para licenciar o veículo é de R$ 144,86

0
52
Foto: Pixabay

Nesta sexta-feira, 1º de julho, inicia o calendário de vencimento do licenciamento anual de veículos registrados no Estado de São Paulo. O cronograma do Detran.SP é estabelecido conforme o número final da placa de identificação veicular.

Em julho, os proprietários de veículos com placas terminadas em 1 e 2 devem regularizar a documentação para o exercício de 2022 até o dia 31/7, exceto, caminhão e caminhão-trator, cujo o calendário para licenciamento anual tem início em setembro.

+ Rodízio de veículos volta a vigorar nesta quinta (30) em SP
+ CNH: Poupatempo faz mutirão para quem exerce atividade remunerada
+ IPVA SP para PCD: saiba como verificar a situação e pedir isenção


Mudança no calendário

Diferentemente de anos anteriores, o cronograma de 2022 inicia em julho. Em 2021, o calendário anual começou em abril.

A mudança ocorreu devido ao aumento de parcelas do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2022, que estendeu o prazo de pagamento, de três para cinco parcelas.

Como realizar o licenciamento?

Para licenciar o veículo é preciso informar o número do Renavam e pagar via internet banking, aplicativo ou caixa eletrônico, os débitos do veículo, como por exemplo: IPVA, possíveis multas exigíveis e a taxa de licenciamento.

O pagamento poderá ser feito via internet banking, aplicativo ou caixa eletrônico nos bancos conveniados (Santander, Bradesco, Banco do Brasil, Safra, Itaú, Caixa Econômica Federal) e nas Lotéricas.

Em 2022, o valor da taxa para licenciar o veículo é de R$ 144,86, independentemente do calendário de vencimento.

Assim como em 2021, não haverá cobrança de taxa do seguro DPVAT em 2022, conforme decisão do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP).

O documento digital fica disponível para download e impressão no item ‘Licenciamento Digital’ nos portais do Poupatempo, Detran.SP e Senatran, além dos aplicativos Poupatempo Digital, Detran.SP e Carteira Digital de Trânsito – CDT. O motorista poderá imprimir em papel sulfite comum (A4-branca).

Vale ressaltar que deixar de licenciar o veículo é uma infração gravíssima e pode acarretar uma série de problemas para o condutor, como remoção do veículo ao pátio, multa de R$ 293,47 e sete pontos na carteira, conforme determina o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Licenciamento antecipado: 6,6 milhões já fizeram

Desde janeiro de 2022, o licenciamento antecipado foi disponibilizado no Estado de São Paulo, independentemente do final de placa do veículo.

Neste ano, no Estado de São Paulo, 6,6 milhões de proprietários de veículos regularizaram antecipadamente a documentação de forma eletrônica.

A capital é a cidade com mais licenciamentos concluídos nos seis primeiros meses de 2022. Foram 1,8 milhão de documentos emitidos, seguida por Campinas (194.984), Guarulhos (160.162), São Bernardo do Campo (124.90) e Ribeirão Preto (120.432).

Veja abaixo o calendário de licenciamento do Estado de São Paulo para veículos de passageiros, ônibus, reboque e semirreboque:

Foto: Divulgação

Confira o calendário de licenciamento no Estado de São Paulo para veículos registrados como caminhão ou caminhão-trator:

Foto: Divulgação

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Piquet se desculpa após repercussão de fala racista sobre Hamilton
+ Rodízio de veículos em SP está suspenso nesta quarta-feira (29)
+ GP da Inglaterra: veja os horários e onde assistir a corrida em Silverstone
+ Piquet chama Hamilton de ‘neguinho’ e é repudiado por Mercedes e F1
+ Licenciamento: veja o calendário completo e como pagar em SP
+ BMW elege os 10 carros mais icônicos da divisão M; veja a lista
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ Creta 2023 recebe comando de voz para o teto solar; veja os preços
+ Avaliação: Fiat Toro Volcano T270 reúne atributos de SUV ao volante
+ Novo Fusca mescla linhas do passado e itens futuro por R$ 3 milhões
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe