Mercedes-Benz EQC é o SUV elétrico que estreia em 2019

Modelo é o primeiro da submarca EQ, que vai reunir os carros 100% elétricos da marca da estrela

Divulgação

Derivado do conceito Generation EQ, mostrado no Salão de Paris de 2016, o SUV elétrico Mercedes-Benz EQC foi revelado oficialmente nesta terça-feira (4) pela marca alemã. Primeiro modelo da futura submarca de elétricos EQ, o utilitário está previsto para chegar ao mercado em meados de 2019.

Com dimensões próximas ao SUV GLC (4,761 m de comprimento, 1,884 m de largura, 1,624 m de altura e com entre-eixos de 2,873 m), o novo EQC é menor que o Audi e-tron (leia mais aqui). Equipado com dois motores elétricos (um para cada eixo) de potência equivalente a 408 cv, o novo SUV elétrico da Mercedes-Benz é capaz de acelerar de 0-100 km/h em 5,1 segundos, com velocidade máxima limitada a 180 km/h. A autonomia anunciada pelo fabricante é de 450 km no ciclo europeu de medição.

O EQC traz em sua lista de equipamentos itens como os faróis de LED, o seletor de modos de condução com cinco programas (Comfort, Eco, Max Range e Sport e individual), o novo sistema multimídia inteligente MBUX (que estreou na geração mais recente do Classe A) e o sistema de direção semi-autônomo, que no caso do EQC ganhou duas novas funções: o assistente de distância ativo (que limita a velocidade a 100 km/h ao identificar tráfego lento à frente do veículo) e um função que mantém o carro fora do centro da faixa de rodagem em congestionamentos, para facilitar a passagem de veículos de emergência.

No visual, como em outros modelos da Mercedes-Benz, o EQC terá a disposição um kit aerodinâmico AMG Line, que dará um toque mais esportivo ao SUV elétrico. O modelo será produzido inicialmente na fábrica de Bremen (Alemanha). Mas já está prevista também a produção do SUV elétrico na China, que é atualmente o maior mercado para carros elétricos do mundo.