Mercedes-AMG lança motor 2.0 de até 421 cv

O novo propulsor será empregado na versão AMG do Classe A de nova geração

Mercedes-AMG M139 (Divulgação)

A Mercedes-AMG revelou o novo motor M139, um 2.0 turbo que é o novo quatro cilindros de produção em série mais potente do mundo. O propulsor será empregado na versão AMG do Classe A de nova geração (confira aqui a avaliação da versão A 250).

Completamente novo, o M139 é até 41 cv mais potente do que o M133 usado no antigo Mercedes-AMG A 45 (confira aqui a avaliação). 0 propulsor será oferecido com 387 cv, na configuração básica, e 421 cv, na variante S. Em sua configuração mais potente, o torque máximo é de 50,99 kgfm entre 5.000 e 5.250 rpm.

Segundo a AMG, o segredo para extrair tanta potência de um motor de dois litros vai desde a montagem invertida (com coletor de admissão na dianteira e o turbo e coletor na traseira, permitindo um fluxo mais direto dos gases), ao uso de camisas do cilindros revestidos com um material que permite um acabamento espelhado, passando por um inovador sistema de injeção direta com dois estágios de operação.

Seguindo a tradição dos motores maiores e mais potentes feitos pela empresa de Affalterbach, o M139 também é montado dentro do princípio “One Man, One Engine” (“Um Homem, Um Motor”, em tradução livre), com componentes montados à mão por um mesmo técnico, que deixa o seu nome e assinatura em uma placa no bloco.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel