Mini traz ao Brasil série limitada em homenagem a John Cooper

Serão comercializados apenas 15 modelos no país, importados da Inglaterra

0
11
Foto: Divulgação

A Mini lança no Brasil a série limitada “Anniversary Edition”, em homenagem a John Cooper. Serão comercializados apenas 15 modelos no país, importados diretamente da planta de Oxford, na Inglaterra, e ofertado por R$ 299.990.

Globalmente, a produção é limitada a 740 unidades. O número 74 é uma referência ao clássico Mini Cooper, que usou este mesmo número em sua primeira vitória em uma pista de corrida.


+ Mini Cooper completa 60 anos; Conheça a história do modelo
+ Mini ‘depena’ versão elétrica em conceito com apenas o essencial
+ BMW Group oferece seguro de garantia estendida (inclui Motorrad e Mini)

Nascido há 98 anos, Cooper foi um construtor que identificou grande potencial no compacto Mini, adicionando mais potência e outros ajustes técnicos. Ele deu origem ao chamado “Go-Kart-Feeling” e iniciando a divisão de esportivos John Cooper Works da marca.

Visual

O design exclusivo tem acabamentos pintados e combinados com teto, capas dos retrovisores exteriores, maçanetas e contornos dos faróis dianteiros e traseiros em branco. Outros elementos de acabamento externos são oferecidos em Piano Black.

Essas características externas são complementadas por listras brancas no capô e uma linha vermelha, um número 74 no capô e nas portas dos veículos da edição, é uma alusão ao início de uma carreira esportiva, já que o clássico Mini Cooper já usava o número inicial 74 quando ganhou sua primeira classe na pista.

A suspensão com amortecimento adaptativo é complementada por rodas de liga leve John Cooper Works de 18 polegadas com design Circuit Spoke de dois tons. O logotipo com o nome “Cooper” pode ser encontrado nos frisos das soleiras das portas, nas escotilhas laterais, nos pilares C e no centro da ilustração do volante desportivo Nappa em couro.

Interior

O interior inclui bancos esportivos John Cooper Works com acabamento em couro/Alcântara Preto Carbono, pedaleiras em aço inoxidável e acabamentos interiores em Piano Black. O anel vermelho do logotipo original de John Cooper adorna a tampa do porta-malas e a superfície interna do lado do passageiro. Do lado do motorista, a superfície interna apresenta as assinaturas de John, seu filho Mike e seu neto, Charlie Cooper.

O interior da moldura da porta do motorista apresenta um emblema com a assinatura de John Cooper, a nota manuscrita “1 de 740″ e as palavras ” 60 Years of Mini Cooper – The Unexpected Underdog”.

Motor

Sob o capô, a edição limitada usa motor 2.0l de quatro cilindros com tecnologia Mini TwinPower Turbo, que entrega uma potência máxima de 231 cv e um torque máximo a partir de 5.200 giros, com torque plano de 32,63 kgfm, entre 1.450 e 4.800 rotações. A transmissão é Steptronic Sport de oito velocidades. O carro chega aos 100km/h em apenas 6,1 segundos.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Nova lei entra em vigor e tem alterações para motoristas de transportes
+ IPVA zero para motos até 150 cc é aprovado em Comissão
+ Lembra do Astra? Conheça o modelo 2022, que acaba de sair na Inglaterra
+ Brasil é o 2º pior país do mundo para dirigir; veja o ranking
+ Cinco dias, 126 km e só dois litros de gasolina: Volvo S60 Recharge mostra que híbrido plug-in é o carro ideal
+ Avaliação: Ao volante da nova geração do Audi A3 Sportback
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Nova Ferrari Daytona SP3 tem motor V12 e 840 cv
+ FlixBus promete viagens de ônibus no Brasil a partir de R$ 19,90
+ Camaro SS vira viatura da Polícia Militar de Minas Gerais
+ Avião elétrico da Rolls-Royce bate recorde de velocidade; assista