Mitsubishi ASX Outdoor 4×4 chega por R$ 97.990; confira avaliação e galeria de fotos

A dinâmica bem acertada e o conjunto mecânico robusto estão entre as qualidades do Mitsubishi ASX (sigla para Active Smart X-over). Esses já conhecidos predicados foram melhorados na nova versão Outdoor 4×4, que chega às concessionárias nesta semana por R$ 97.990. Exclusiva para o Brasil, ela é mais em conta que a configuração 4×2 com câmbio CVT (R$ 98.490), além de possuir uma personalidade própria.

O tom cinza grafite invadiu os para-choques, a grade do radiador, as molduras de carroceria e dos faróis de milha, as maçanetas, os extratores de ar laterais dotados de setas integradas, as rodas aro 16, as capas dos retrovisores, o aerofólio e o rack de teto (suporta até 42 kg de carga). Os faróis têm máscara negra, enquanto as lanternas de LED possuem acabamento fumê. Atrás, há ainda dois ganchos para reboque (capacidade para até 1.500 kg) e luz de neblina.

A cabine tem bancos revestidos em tecido exclusivo, volante em couro com coluna de direção ajustável em altura e profundidade e central multimídia com tela sensível ao toque. Outro ponto alto do ASX é sua ampla cabine, de modo que quem viaja atrás encontra bastante espaço para as pernas graças ao entre-eixos de 2,670 m (o mesmo do New Outlander). Entretanto, o GPS, o sensor de estacionamento e a câmera de ré são acessórios.

O motor 2.0 16V a gasolina é montado no Brasil com bloco e cabeçote feitos de alumínio. São 160 cv de potência e 20,1 kgfm de torque. Segundo a Mitsubishi, a gama ASX terá motorização flex, mas ainda sem previsão. Pela primeira vez, o câmbio manual de cinco marchas foi combinado à tração 4×4 com três modos: 4×2 (urbano), 4WD (condução mais esportiva) e Lock (pisos com pouca aderência). As suspensões receberam amortecedores com nova carga, barras estabilizadoras mais flexíveis e molas com maior tensão. Mesmo assim, a altura em relação ao solo manteve-se inalterada.

Esses aperfeiçoamentos foram testados e aprovados durante o longo trajeto de avaliação, com direito a trechos rodoviários e muito fora de estrada. Se o ASX agrada por sua dinâmica no asfalto, no off-road ele continua elogiável. Com o 4×4 acionado, o Mit transmite igual sensação de segurança e de controle, além de encarar com valentia pisos irregulares, barro e areia. A suspensão revista (multilink na traseira) oferece dirigibilidade precisa ao aborver os impactos, buracos e depressões do terreno fora de estrada. Os pneus ATR (todo terreno) com perfil 60 também ajudam na absorção das irregularidades. Além disso, os ângulos de entrada (23°) e de saída (35°) e a altura em relação ao solo (215 mm) ajudam a vencer os obstáculos. Mesmo tendo robutez, o Mit não esquece da comodidade e da segurança, com assistente de partida em rampa, controles de tração e de estabilidade e um porta-malas de 605 litros. A previsão é de comercializar 100 unidades/mês do ASX Outdoor 4×4.

MITSUBISHI ASX OUTDOOR 4X4
Preço básico: R$ 97.990
Carro avaliado: R$ 97.990

Mitsubishi ASX Outdoor 4×4
Motor: 4 cilindros em linha 2.0, 16V, duplo comando de válvulas variável
Cilindrada: 1998 cm3
Combustível: gasolina
Potência: 160 cv a 6.000 rpm
Torque: 20,1 kgfm a 4.200 rpm
Câmbio: manual, cinco marchas
Direção: elétrica
Suspensões: McPherson (d) e multilink (t)
Freios: discos ventilados (d) e sólidos (t)
Tração: 4×2 ou 4×4
Dimensões: 4,330 m (c), 1,805 m (l), 1,655 m (a)
Entre-eixos: 2,670 m
Pneus: 236/60 R16
Porta-malas: 605 litros
Tanque: 60 litros
Peso: não disponível
0-100 km/h: não disponível
Velocidade máxima: não disponível
Consumo cidade: 7,6 km/l
Consumo estrada: 8,9 km/l
Nota do Inmetro: A (Utilitário esportivo compacto)
Emissão de CO2: 167 g/km
Com etanol: não é flex

Veja também

+ Fiat faz desconto em toda a linha; preço do Toro cai R$ 32 mil
+ Acesso de fúria de macaco deixa um homem morto e 250 pessoas feridas na Índia
+ Risco de casos graves de Covid é 45% maior em pessoas com sangue do tipo A, segundo pesquisadores europeus,
+ Aprenda a fazer o brigadeiro de paçoca de Ana Maria Braga