Nasce a Fórmula Inter

Com carros idênticos e um calendário com 11 etapas, foi lançada nesta semana a Fórmula Inter, categoria de monopostos nacional que terá início em janeiro de 2016. Planejada com foco no baixo custo, a proposta da Fórmula Inter é servir de degrau seguinte para os pilotos de kart em busca de profissionalização e também como um hobby relativamente acessível para os fãs de automobilismo.

Para isso, a categoria adota o modelo “seat and drive”, em que os carros são alugados pelos competidores diretamente da organização da categoria. Junto do carro, os pilotos recebem também toda a infraestrutura de box, pneus e combustível, além de assessoria de imprensa e o direto de participar de programas de treinamento em pilotagem e marketing.

Projetado e construído no Brasil, o monoposto de 520 kg utiliza chassi tubular e materiais como fibra de vidro e de carbono em sua construção. O motor, com injeção direta de combustível, é um 2.0 16V com 194 cv de potência e 21 kgfm a 6.000 rpm de torque, que permite ao carro da Fórmula Inter atingir os 245 km/h na pista de Interlagos.

Iniciativa inédita no Brasil, a categoria conta com uma incubadora de pilotos, com o objetivo de formar jovens que sonham em ser pilotos profissionais. A primeira turma de 10 pilotos foi selecionada por meio de um concurso no Facebook. Os competidores terão direito a fazer uma corrida. O que obtiver o melhor resultado poderá correr a temporada de 2017 da categoria gratuitamente.

Ao todo, serão oferecidas vagas para 20 pilotos. O custo para a temporada completa é de R$ 114.950, valor que pode ser pago em até 10 vezes. Outras informações podem ser obtidas no link.

Veja também

+ A biblioteca básica do motociclista cool
+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas
+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial
+ Os 20 carros 1.0 mais econômicos do mercado brasileiro
+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar